Bahia cai nos pênaltis e está eliminado da Copa do Brasil

0
473
Da Redação por Jota Jota – Foto: Felipe Oliveira/ECB

Depois de uma hora e meia de atraso, esperando que o gramado estivesse com as mínimas condições de jogo, com as chuvas castigaram Porto Alegre, Grêmio e Bahia foram para campo disputar o jogo de volta da Copa Do Brasil. Uma partida que apesar do gramado, agradou aos torcedores que estiveram na Arena do Grêmio.

O time gaúcho pressionou muito no primeiro tempo, com o goleiro Marcos Felipe, do Bahia, fazendo excelentes defesas, mas o time de Renato Paiva também dava as suas estocadas complicando a defensiva do Grêmio, e numa destas decidas Everton acertou o ângulo do goleiro Gabriel Grando fazendo Bahia 1 a 0 no primeiro tempo.

No segundo tempo com o Grêmio precisando do resultado, pressionou ainda mais o Bahia amadurecendo o gol de empate que veio com Villasanti, o que levou a decisão para a cobrança de pênaltis. Foram 12 cobranças com o Grêmio vencendo por 4 a 3 e passando para a semifinal e vai enfrentar o Flamengo que venceu o Athletico Paranaense em Curitiba. 

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 1 (4X3) 1 BAHIA

COPA DO BRASIL – Quartas de Final – Volta

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

Data: 12/07/2023

Horário: 19h.

Público: 35.437

Renda: R$ 3.109.743.00

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA-GO).

Assist. 1: Bruno Raphael Pires (FIFA-GO)

Assist. 2: Leone Carvalho Rocha (GO).

VAR: Rodrigo D Alonso Ferreira (SC).

Gols:  Villasanti (Grêmio) e Everaldo (Bahia)

Grêmio: Gabriel Grando; João Pedro (Natan), Bruno Alves, Kannemann (Ferreira) e Reinaldo; Uvine, Carballo (Gustavo Mathias), Villasanti e Cristaldo (Vina); Bitello e Luiz Soares (André). Técnico: Renato Gaúcho. 

Bahia: Marcos Felipe; Cicinho, Gabriel Xavier, Kanu e Ryan (Matheus Bahia); Acevedo e Rezende; Ademir (Yago Felipe) e Cauli: Kayky (Mugni) e Everaldo. Técnico: Renato Paiva