Bahia e Jacuipense empatam a primeira da final do Campeonato Baiano

0
212

Por Tony Martins – Foto: Felipe Oliveira/ECB

Foi tudo que o Bahia esperava. Jogar fora de casa e não perder, levando seu favoritismo para o jogo de volta  da final do Campeonato Baiano. Na partida deste domingo (26/03/2023), realizada no estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuipe, os dois times desenvolveram um bom futebol, cada um colocando em prática suas melhores características e suas estratégias. Isso fez justiça ao empate de um a um na primeira partida da final.

A equipe do Jacuipense atuou no primeiro tempo, utilizando seu jogo predileto: meio campo congestionado, uma linha de quatro homens bastante sólida na defesa e estabelecendo a transição defesa-ataque com rapidez, utilizando Welder, Jeam e Thiaguinho como peças ofensivas para buscar o gol.

Na primeira oportunidade Thiaguinho recebeu de Radar na esquerda cruzou, porém, Jeam  cabeceou para fora. Aos 25 minutos Thiaguinho cruzou e Welder pegou de primeira para fazer um a zero.

O Bahia que teve 66% de posse de bola no primeiro tempo, depois que tomou o gol, partiu para cima do adversário, criando algumas chances para empatar, porém, esbarrava no goleiro Jean.

Mas, foi o Jacuipense que quase marca: aos 46 minutos Jeam lançou Thiaguinho que dentro da área chutou para fora.

O Bahia voltou para o segundo tempo disposto a mudar a história do jogo. E logo aos 9 minutos realizou um lance de muita consciência, quando Jacaré cruzou da direita, Matheus Bahia dentro da área ajeitou de primeira para Everaldo concluir com perfeição e empatar o jogo.

O Jacuipense esteve perto de fazer o segundo gol com Thiaguinho que dentro da área, com o gol livre chutou por cima. Depois, num contra-ataque Welder lançou  Jeam na direita, este cruzou para  Robinho na pequena  área que cabeceou, mas, Marcos Felipe praticou importante defesa.