Flamengo se impõe, bate o Grêmio e fica perto da final da Copa do Brasil

0
280
Troféu Copa do Brasil Foto Lucas Figueiredo-CBF-Divulgação

Por Carlos Humberto

Com personalidade, o Flamengo construiu nesta quarta-feira (26), fora de casa, uma indiscutível vitória sobre o Grêmio na primeira partida das semifinais da Copa do Brasil, que o deixa em situação favorável para o jogo de volta no Maracanã.

Gabigol, no primeiro tempo, e Thiago Maia, no segundo, foram autores dos gols da vitória rubro-negra, que poderia ser mais ampla se Gabigol não desperdiçasse um pênalti aos 37 minutos.

Com um jogador a menos na segunda etapa, o Tricolor não teve forças para encarar o bom desempenho do adversário.

RESENHA

Jogo intenso no primeiro tempo, com o Grêmio tomando a iniciativa das ações, forçando o erro do adversário. A partir dos 20 minutos o Flamengo equilibra a partida e com toques rápidos passa a envolver o rival. Aos 33 minutos, recebendo de Bruno Henrique, Gabigol abre o placar do clássico. O mesmo Gabigol poderia ampliar aos 37, mas erra a cobrança do pênalti defendido pelo goleiro Grando. Foi o sétimo perdido pelo artilheiro com a camisa rubro-negra. Ao todo, Gabigol acertou 42 dos 49 pênaltis cobrados até aqui.

Na segunda etapa aos 14 minutos o zagueiro Kannemann comete falta em Everton Ribeiro e recebe o vermelho, deixando o Grêmio com um jogador a menos. Com superioridade numérica, o Flamengo ganhou espaço para trocar passes e aos 23 Tiago Maia, recebendo passe de Arrascaeta, ampliou para 2 a 0.

O jogo de volta acontece no dia 16 de agosto no Maracanã, e o Flamengo joga por três resultados para ir à final: vitória, empate e derrota por um gol. Em caso de uma derrota por dois gols, a decisão vai para os pênaltis. Para reverter a situação, o Grêmio precisa vencer por uma diferença de três ou mais gols.