Na Ilha do Retiro o Leão da Barra rugiu mais alto

0
118
Por Jota Jota

Cumprindo a penúltima rodada no primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série B, o Vitória foi até a Ilha do Retiro enfrentar o Sport e se deu muito bem vencendo por 2 a 1. A equipe de Léo Condé que buscava retornar ao G 4, foi além disso e beneficiado pelo resultado do Ceará batendo o Vila Nova por 1 a 0 tornou o Leão da Barra novamente líder.

A equipe do Vitória se manteve o tempo todo dentro do que fora traçado pelo seu treinador, com uma defesa sólida e controlando o meio de campo no setor de criação. Com um gol contra do zagueiro Rafael Thyere em um cruzamento de Matheus Gonçalves, o Rubro Negro venceu o primeiro tempo.

Como saíra vaiado para o intervalo, era de se esperar a volúpia do Sport no começo da etapa final, e não deu outra, foi a vez de Camutanga jogar contra o patrimônio, com o Sport empatando a partida. Mesmo assim o Leão da Barra não se desesperou e muito menos desfez a sua maneira de atuar.

Além de acertar desta feita nas modificações, Léo Condé, no dia do Futebol, ganhou um senhor presente de Zé Hugo, com menos de 30 segundos em campo, ele domina tira o zagueiro adversário e faz Vitória 2 a 1, aniquilando o time de Enderson Moreira.

Final de jogo, o Pitbull Raivado era novamente líder da competição, com seus torcedores indo dormir e acordando líder.

Agora a equipe volta a jogar em casa para encerrar o primeiro turno, na segunda-feira 26 recebe a Chapecoense podendo ser o campeão do primeiro turno.

FICHA TÉCNICA

Sport 1×2 Vitória

Série B – 18ª Rodada

Local: Ilha do Retiro – Recife PE

Data: 19/07/2023 – quarta-feira

Horário: 21h30

Público: 16.847

Renda: R$ 279.875,00

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)

Assist. 1: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)

Assist. 2: Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)

VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Gols: Camutanga (contra) Sport; Rafael Thyere (contra) e Zé Hugo para o Vitória.

SPORT: Renan; Igor Carius (Felipinho), Sabino, Rafael Thyere e Ewerton; Ronaldo Henrique (Wanderson), Fábio Matheus, Facundo Labandeira (Alan Luiz) e Luciano Juba (Juan Xavier); Wagner Love e Edinho. Técnico: Enderson Moreira. 

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Raylan (Mateuzinho), Camutanga, Wagner Leonardo e Felipe Vieira; Yan, Mateus Gonçalves (Zé Hugo), Gegê, e Weliton Nem (Giovani Augusto); Osvaldo (Léo Gamalho) e Dudu (Jhony Lucas). Técnico. Léo Condé