Sebrae realiza capacitações do Circuito Agro para 130 produtores rurais de Remanso e Pilão Arcado

0
182

Sebrae realiza capacitações do Circuito Agro para 130 produtores rurais de Remanso e Pilão Arcado

Oficinas tinham o objetivo de fortalecer o trabalho do homem e da mulher do campo para ampliação da visão empreendedora

Por Carlos Humberto

Comunidades de Remanso e Pilão Arcado, cidades do Norte da Bahia, receberam, entre os dias 4 e 7 de julho, sete oficinas de capacitação dirigidas a produtores rurais dos segmentos da pesca artesanal, agricultura e apicultura promovidas pelo Sebrae, para abordar importantes temas para a qualificação dos participantes e desenvolvimento e fortalecimento da economia da região.

Nos quatro dias de programação, 130 produtores rurais vinculados a associações e cooperativas locais, aprenderam sobre associativismo, cooperativismo, planejamento e gerenciamento financeiro, temas apresentados pelo analista técnico do Sebrae em Juazeiro, Edlan Amaral, para ampliar a visão empreendedora para a geração de renda pessoal e coletiva.

“Com a adesão cada vez maior de entidades associativas, fica evidenciado que o Circuito Agro, uma iniciativa do Sebrae, de fato, corresponde ao anseio do homem e da mulher do campo, aproximando e qualificando os integrantes da agricultura familiar, seja na pesca artesanal, na agricultura ou na apicultura”, ressaltou o analista.

As oficinas de capacitação levadas às comunidades de produtores rurais da região Norte da Bahia têm produzido um efeito multiplicador para o setor, além de repercutir positivamente entre os membros das entidades parceiras. Procurando ampliar o atendimento, o Sebrae incluiu, nessa etapa, mais três entidades comunitárias cujos membros participaram ativamente das atividades realizadas.

O presidente da Associação de Poços, em Remanso, Tales Uanderson da Silva, considerou o tema “Empreender no Campo” oportuno. Segundo ele, “a reunião foi democrática, onde todos puderam participar ativamente expondo suas ideias e falando das dificuldades na labuta do dia a dia. E produtiva pelos conhecimentos que aqui adquirimos”, registrou o dirigente.

Para a pescadora Lucilia Freitas Nascimento Santos, presidente da Associação de Pescadores e Pescadoras de Remanso (APPR), o tema Empreendedorismo na Pesca Artesanal é da maior relevância para todos os associados da entidade. “Apresenta uma nova visão para a nossa categoria e mostra que mesmo diante de um mercado competitivo existe espaço para o pequeno produtor mostrar seu produto de forma diferenciada”, afirma Lucília.

O tema Empreender no Campo, levado à comunidade de Tamanduá, em Pilão Arcado, foi um dos temas que mais chamou a atenção do presidente da associação comunitária local, Manoel Messias do Nascimento. “Com certeza, o conteúdo da oficina do Sebrae é muito rico, trouxe novos conhecimentos que abrirão os horizontes para a realização de um trabalho mais moderno e produtivo. Acho até que o tempo foi curto e merecia outro encontro para aprofundar ainda mais o debate”, destacou Nascimento.