Sonho do bi mundial ficou pra lá de Marrakech

0
132
Hilal's midfielder Andre Carrillo (L) marks Flamengo's Brazilian midfielder Everton Ribeiro during the FIFA Club World Cup semi-final football match between Brazil's Flamengo and Saudi Arabia's Al-Hilal at the Ibn Batouta Stadium in Tangier on February 7, 2023. (Photo by Khaled DESOUKI / AFP)
Da Redação – Carlos Humberto - Foto: Conmebol/Divulgação
Hilal’s midfielder Andre Carrillo (L) marks Flamengo’s Brazilian midfielder Everton Ribeiro during the FIFA Club World Cup semi-final football match between Brazil’s Flamengo and Saudi Arabia’s Al-Hilal at the Ibn Batouta Stadium in Tangier on February 7, 2023. (Photo by Khaled DESOUKI / AFP)

Parafraseando a letra de Qualquer Coisa, música de Caetano Veloso, de 1975, essa história do Flamengo bicampeão mundial está pra lá de Marrakech.

Na tarde desta terça-feira, com o apoio absoluto de sua torcida e da própria mídia nacional, o Flamengo caiu para o Al Hilal da Arábia Saudita por 3 a 2 e frustrou milhões de torcedores que assistiram o sonho da conquista do segundo título de campeão mundial do time mais popular do país ir por água abaixo em território marroquino.

Longe do oba-oba que propagava o favoritismo do time brasileiro, justo campeão da América, os voluntariosos guerreiros do time saudita usaram a força e a humildade para superar a arrogância do adversário que, em nenhum momento, mostrou que poderia sair de campo vitorioso.

O resultado de 3 a 2, que colocou o Al Hilal na decisão do torneio mundial, foi construído ao longo de 90 minutos jogados com coragem e destemor diante de um rival comprovadamente mais poderoso, mas sem, em nenhum momento, mostrar as qualidades inerentes a um verdadeiro vencedor.

Para quem embarcou levando na bagagem o sonho de mais um título mundial, resta ao Flamengo o consolo de disputar o teceiro lugar contra o perdedor de Real Madrid versus Al Ahly.

E, para o enredo ficar completo, a propagada final entre Flamengo e Real Madrid, quem sabe, por ironia do destino, se transforme na disputa do terceiro lugar do Mundial? Para isso acontecer, basta que os madrilhenhos, também favoritos, repitam o fracasso rubro-negro e percam para o time egípcio nesta quarta-feira.

FICHA TÉCNICA

Flamengo 2 x 3 Al-Hilal

Semifinal Mundial de Clubes da Fifa

Dia e horário: 7 de fevereiro de 2023, às 16h (de Brasília)

Local: Estádio Ibn Batouta, Tânger (MAR)

Árbitro: Istvan Kovacs (ROM)

Assistentes: Vasile Marinescu (ROM) e Mihai Artene (ROM) VAR: Juan Martinez (ESP)

Cartões amarelos: Gerson, Gabigol, David Luiz, Pulgar, Thiago Maia e Pedro (FLA); Vietto, Khalifah Al-Dawsari e Jahfali (ALH)

Cartões vermelhos: Gerson (FLA)

Gols: Salem Al-Dawsari (aos 3 minutos do primeiro tempo), Pedro (aos 19 minutos do primeiro tempo), Salem Al-Dawsari (aos 53 minutos do primeiro tempo), Vietto (as 24 minutos do segundo tempo) e Pedro (aos 46 minutos do segundo tempo).

Flamengo: Santos; Matheuzinho, David Luiz, Léo Pereira (Fabrício Bruno) e Ayrton Lucas; Thiago Maia, Gerson, Everton Ribeiro (Everton Cebolinha) e Arrascaeta (Pulgar); Gabigol e Pedro. Técnico: Vítor Pereira.

Al-Hilal: Abdullah Al-Maiouf; Saud, Jang, Al-Bulayhi e Khalifah (Nasser Al-Dawsari); Cuéllar, Carillo, Vietto (Jahfali); Marega, Salem e Ighalo (Michael). Técnico: Ramón Díaz.