Unimed Vale do São Francisco capacita auditores médicos e enfermeiros para garantir qualidade assistencial

0
255

Unimed Vale do São Francisco capacita auditores médicos e enfermeiros para garantir qualidade assistencial

Por Carlos Laerte – Clas Comunicação

Auditores médicos e enfermeiros da operadora de saúde Unimed Vale do São Francisco, participaram, na manhã deste sábado (27), da “Capacitação e Formação Fundamentos, Processos e Técnicas de Auditoria em Saúde”. Com o intuito de proporcionar melhorias na qualidade assistencial e gestão dos processos de auditoria, a formação teve início neste final de semana e prossegue nos dias 02 e 03 de junho, com carga horária de 32h.

Durante a abertura, realizada no auditório da cooperativa, o presidente da Unimed Vale do São Francisco, Francisco Otaviano, deu as boas-vindas na companhia da diretoria composta pelos médicos Luiz Gustavo Mendes, (diretor vice-presidente); Carlos Tadeu Rodrigues de Souza (diretor financeiro) e Rodrigo José Videres Cordeiro de Brito (diretor comercial).

“É missão da Unimed promover constantemente capacitações para os cooperados e colaboradores. O curso de atualização em auditoria é algo de grande relevância para o conhecimento dos profissionais dessa área, porque vivemos com prestações de serviços regulada e fiscalizada. Por isso, precisamos que todas as nossas ações estejam nos bons princípios de governança, de acordo com a legislação e compromisso assumidos por todas as partes”, afirmou o presidente.

Para a coordenadora da auditoria médica, Mádia Nunes, a expectativa é de uma capacitação que amplie os conhecimentos da equipe e traga na prática, execuções cada vez mais assertivas nas rotinas operacionais. “O curso é necessário para o momento delicado no qual estamos vivenciando, em relação à legislação a saúde complementar e todas as anuências da saúde, pois, a auditoria médica necessita de reciclagem para a equipe, visando uma melhoria da gestão”, explicou.

Já a enfermeira auditora, Rochelle Lócio, afirmou que a formação está superando as suas expectativas: “Desde ontem estão sendo trabalhado assuntos técnicos, específicos da nossa área, com uma visão abrangente via Brasil”, frisou.

A capacitação, ministrada por Juliana Hasse, Danielle Perdigão, Priscila Faria e Carlo Duarte, utiliza ainda metodologias ativas com cases reais, discussões, debates, simulações realísticas direcionadas às necessidades de uma turma com 30 participantes.