Vitória empata no Barradão e adia acesso à Série A 2024

0
220
Vitoria x Vila Nova Série B 05-11-2023 Foto Victor Ferreira-ECV-1
Da Redação

Diante do maior público do ano na Estádio Manoel Barradas – 29.168 pagantes -, o Vitória tropeçou diante do Vila Nova e adiou a confirmação do acesso à Série A do Brasileirão no próximo ano. Restando três rodadas, o time baiano só depende de si para alcançar a meta estabelecida e até pensar em título da competição.

O empate em 1 a 1 frustrou, mas não decepcionou a fiel torcida que lotou as dependências do Barradão e esperava comemorar a sonhada volta à elite do futebol brasileiro.

RESENHA

O Vitória levou a campo a mesma ansiedade da sua torcida e não conseguiu produzir um bom jogo durante o tempo regulamentar mais os acréscimos. Do outro lado, o Vila, mais coordenado, envolveu o adversário e criou jogadas de perigo.

O Vila Nova surpreendeu logo aos 4 minutos, quando abriu o placar através de Caio Daniel. O empate só aconteceu aos 37 do segundo tempo, em belo chute de Matheuzinho.

Com o resultado, o Leão da Barra manteve a liderança absoluta com 66 pontos, enquanto o Tigre, que ainda sonha com o G-4, ocupa o 9º lugar com 55 pontos.

O Vitória agora enfrentará o Novorizontino no próximo domingo (12), às 18 horas. Antes, na sexta-feira, o Vila Nova recebe em seus domínios o Londrina, às 19 horas.

FICHA TÉCNICA
Vitória 1 x 1 Vila Nova
Série B – 35ª rodada

Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data: 05/11/2023 (domingo)
Horário: 18h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE)
Assistentes: José Moracy de Sousa e Silva e Anderson da Silva Rodrigues (ambos do CE)
Quarto árbitro: Eziquiel Sousa Costa (BA)
VAR: Paulo Renato Moreira da Silva Coelho (RJ)

Cartões amarelos: Rodrigo Andrade, Gegê, Camutanga (Vitória) / Marcelinho, Cristiano, Guilherme Parede (Vila Nova)

Gols: Caio Dantas (Vila Nova) e Matheusinho (Vitória) 

Vitória: Lucas Arcanjo; Railan (Edson Lucas), Camutanga, Wagner Leonardo e Zeca; Matheus Trindade (Gegê), Rodrigo Andrade, Giovanni Augusto (Zé Hugo) e Matheusinho; Osvaldo e Léo Gamalho (Welder). Técnico: Léo Condé.  

Vila Nova: Dênis Junior; Marcelinho (Leo Duarte), Doma, Rafael Donato e Rodrigo Gelado; Lourenço (Sousa), Juan Christian (Ronald) e Cristiano (Henrique Almeida); Caio Dantas, Igor Henrique (Ralf) e Guilherme Parede. Técnico: Higo Magalhães.