Por Carlos Humberto – texto e fotos

Diante de público recorde na atual temporada, o Clube Social Barro Vermelho conquistou o título de campeão juazeirense de futebol amador nesta sexta-feira 23, no estádio Adauto Moraes, ao vencer a Associação Atlética XV de Novembro por 6 a 5 nos pênaltis, após empate em 1 a 1 no tempo regulamentar.

O Tremendão da Rua de Baixo saiu na frente do marcador aos 27 minutos do segundo tempo, quando Rael, em jogada individual, driblou dois adversários e chutou rasteiro vencendo o goleiro Neném. A torcida quinzista ainda comemorava quando o lateral direito Charlinho acertou um verdadeiro míssil de fora da área e empatou o clássico, levando a decisão para as penalidades. Após 18 cobranças, das quais sete foram desperdiçadas, o vencedor se revelou no chute de Rodrigo que fez 6 a 5 para o Gato Guerreiro, transformando as arquibancadas do Adauto Moraes em palco de comemoração para a torcida rubro-negra.

A conquista representa o sexto título de campeão amador do Barro Vermelho, desde que se filiou à Liga Desportiva Juazeirense em 1982. Um ano após a filiação, o clube se sagrou campeão pela primeira vez derrotando o Veneza em final histórica no Adauto Moraes em 1983. Os outros títulos vieram em 1993, 1994, 2005, 2008 e agora em 2018.

Premiação

O secretário Sérgio Fernandes, titular da pasta de Cultura, Turismo e Esporte, parceira da LDJ na realização do campeonato, representou o prefeito Paulo Bomfim e, ao lado dos deputados Roberto Carlos e Crisóstomo Lima e do presidente da liga Celso Leal, entregou os troféus de campeão, vice-campeão, artilheiro, melhor jogador e melhor goleiro da competição.

Confira a pontuação final do campeão e vice de 2018:

EQUIPEPGJGVEDGPGCSG
XV de Novembro1374121587
Barro Vermelho1173221091

FICHA TÉCNICA

XV DE NOVEMBRO 1 x 1 BARRO VERMELHO

(nos pênaltis, Barro Vermelho 6 a 5)

Decisão do campeonato juazeirense de futebol amador

Data: 23 de novembro de 2018, sexta-feira

Horário: 20 horas

Local: Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro-BA

Gols: Rael (XV), aos 27 min, e Charlinho (BV), aos 31 min do 2º tempo

Nos pênaltis, marcaram para o Barro: Maycon, Leo Lagoinha, Kaká, Guilherme, Venícius e Rodrigo; perderam: Jakcson, Charlinho e Anderson.

Marcaram para o XV: Juninho Carapiá, Vitinho, Rincon, Rael e Caio; desperdiçaram: Márcio Silva, Bobô, Lucas e Pedro

XV de Novembro: Amâncio, Darlan (Rincon), Bobô, Pedro e Vitinho; Caio (Márcio Silva), Neguinho, Gegê e Vitor (Lucas); Nathan (Rael) e Juninho Carapiá. Técnico: Rodrigo Machado

Barro Vermelho: Neném, Charlinho, Guilherme, Maycon e Pan (Anderson); Rodrigo, Felipe Negão (Venícius), Valbert e Jackson; Tiago (Kaká) e Leo Lagoinha. Técnico: Elias Crispim

Cartão amarelo: Charlinho e Anderson, do Barro; Darlan, Rincon, Vitinho e Carapiá, do XV

Cartão vermelho: Valbert, do Barro e Neguinho, do XV

Arbitragem: Micael Emanoel, Aleomar Amorim e Paulo Vitor. 4º árbitro: Jonas Araújo. Auxiliares: Geovane Xavier e Marcelo Silva Santos

Público: 800 torcedores (estimado)

Renda: entrada franca