Ascom/Juazeirense

O momento é de decisão e se fora de campo Carlos Rabello faz a sua parte, dentro dele o capitão Waguinho assume a liderança para manter o grupo cada vez mais fechado em busca da classificação à semifinal do Campeonato Baiano. O experiente volante de 35 anos e 96 jogos ao longo de nove temporadas vestindo a camisa do Cancão é uma das peças chaves da equipe que vai buscar os três pontos diante do Vitória da Conquista, domingo (10), às 16h, no Lomanto Júnior.

“Procuro extrair o máximo possível do grupo” – Waguinho

“Procuro extrair o máximo possível do grupo. Vivi grandes momentos aqui, ruins também, mas sempre de cabeça erguida. Estamos unidos para buscar os dois resultados positivos e consecutivamente classificar. É se fechar o máximo, se unir, e conseguir o resultado que é o mais importante”, destaca o capitão do Cancão, que está em sétimo com nove pontos a apenas um do Conquista, que fecha o G-4 com 10.

Waguinho em treino da Juazeirense (Foto: Carlos Humberto)

Caso vença no sudoeste do estado a Juazeirense tem boas chances de entrar no G-4 e assim ir para a última rodada, quando recebe o Bahia de Feira, no dia 17, no Adauto, dependendo só de si para garantir a classificação. E os últimos três jogos, quando o Cancão venceu dois e empatou um, passa confiança para que este objetivo seja alcançado. “A gente vem numa crescente boa. Estamos nos entrosando cada vez mais. São dois jogos muito difíceis e cruciais. Estamos trabalhando focados, vendo aonde a gente precisa melhorar para que possamos vencer as duas partidas”, destaca Waguinho.

A delegação já se encontra em Conquista, onde fez uma atividade leve nesta sexta e amanhã encerra a preparação para a partida. O único desfalque de Rabello é Nino, suspenso pelo terceiro amarelo. Jacó é o favorito para forma dupla de ataque com Gustavo Balotelli.  Em contrapartida, Douglas Pires volta de suspensão e reforça a equipe contra o Bode.

RELACIONADOS

Goleiros: Douglas Pires e Bruno;

Laterais: Ewerton, Wallace, Alex Travassos, Willian e Marquinhos;

Zagueiros: Emerson, Emílio e Nildo;

Volantes: Waguinho, Patrik, Peu e Maikon;

Meias: Caio Cezar;

Atacantes: Balotelli, Hugo, Jacó e Katê.