0 a 0, pior para o Bahia

Considerado o maior clássico do Norte e Nordeste, Bahia e Vitoria jogaram na Arena Fonte Nova pela oitava rodada da primeira fase do certame baiano, e não saíram do zero a zero. Duas equipes limitadíssimas, com elencos que não correspondem aos anseios dos torcedores, e nem estão à altura dos dois clubes. Mesmo assim tivemos um jogo limpo, com os elencos se esforçando, sem no entanto, conseguirem jogadas de efeitos, que pudessem causar emoções aos torcedores únicos do Bahia, presentes ao espetáculo.

Considerados por muitos uma equipe melhor formada, o Bahia tinha esperanças de conseguir os três pontos, tendo em vista os maus momentos do Vitoria, dentro e fora de campo, em seu administrativo, mas a emenda, ficou bem pior que o soneto. Ao empatarem sem abertura de contagem, ambas as equipes abriram oportunidades para os clubes do interior, que estavam colados na tabela de classificação, e não deu outra, o ousado Atlético de Alagoinhas, assumiu a quarta posição, entrando no G-4, deixando de fora o tricolor do Fazendão, um prejuízo momentâneo, mas que poderá se tornar em uma imensa dor de cabeça.

Tal como no começo da competição, o Bahia de Feira coloca as manguinhas de fora, e retoma a liderança da competição, seguido por Vitoria, Conquista e o Atlético de Alagoinhas – o BAFE, venceu o Fluminense no Joia, tirando as possibilidades do Touro do Sertão de ir as semifinais da competição.

Mesmo perdendo para o Conquista, que se garantiu no G-4, a Juazeirense não corre mais o risco de rebaixamento, pois tem 9 pontos, e não pode ser alcançada pelo último colocado.

Os clubes do interior precisam ficar atentos, a última rodada será de suma importância, e é bom que se fique de olho nos apitos, mesmo as partidas sendo iniciadas no mesmo horário.

Para a Desportiva Juazeirense, resta cumprir a tabela, enfrentando o Bahia de Feira, do conhecido Barbosinha, que vem para garantir sua passagem para a fase seguinte. Teremos um excelente jogo em Juazeiro, oportunidade para Carlos Rabello, testar mais alguns jogadores, preparando o time para a série D.

#PRONTOFALEI.