Cancão recebe o Bahia de Feira domingo 17, às 16 horas, no Adauto Moraes

Ascom/Juazeirense

“Precisamos encerrar bem o ciclo do campeonato Baiano”. É dessa forma, sem meias palavras, que o técnico Carlos Rabello vai colocar a Juazeirense em campo para encarar o Bahia de Feira, domingo (17), às 16h, no Adauto Moraes, pela última rodada da primeira fase do campeonato Baiano.

Mesmo sem mais ambições na competição, o Cancão é foco total na vitória. “Trabalhamos para este jogo como trabalhamos para todos os jogos. Infelizmente não temos mais chance de classificar e felizmente nós não corremos mais o risco de rebaixamento. Ainda sobra sobre nós o resquício da eliminação em Conquista, num jogo que jogamos muito bem, mas não fomos eficientes nas finalizações. Mas enfim, além da nossa vontade de vencer, tem equipes que têm interesse nesse resultado nosso. Então temos que ter hombridade, comprometimento e fazer um bom jogo”, comenta o treinador da Juazeirense.

‘Temos que ter hombridade, comprometimento e fazer um bom jogo’, destaca Rabello

Carlos Rabello, técnico da Juazeirense (Foto: Carlos Humberto)

Para a partida, Rabello terá o retorno de Nino, que cumpriu suspensão na derrota de 2×1 para o Conquista, no último domingo, mas em contrapartida terá três desfalques em relação ao time considerado titular: o zagueiro Emerson, suspenso, além de Patrik e Gustavo Balotelli, emprestados ao CRB para a sequência da temporada. “Nós perdemos dois bons jogadores, mas a equipe também ganha notoriedade no mercado. São dois jogadores que estão indo para um clube de Série B do Brasileiro. Posteriormente os dois atletas tendo sucesso, a Juazeirense vai ter o ônus do retorno financeiro que é importante para o clube pequeno, onde só sai dinheiro. O clube está satisfeito”, enfatiza.

A Juazeirense treina na tarde desta sexta e encerra a preparação para o confronto com uma atividade amanhã, ambas no Adauto Moraes. A equipe provável para a partida é: Bruno, Ewerton, Emílio, Nildo e William Santos; Vaguinho, Peu, Caio Cezar e Kate; Nino e Hugo. Com oito pontos, o Cancão é o oitavo colocado. Adversário na ocasião, o Bahia de Feira lidera o campeonato com 15.