Judocas participam da Super Etapa de Judô em Cruz das Almas

Por: Luiz Adolfo Andrade PHD
Prefeito-de-Juazeiro-Paulo-Bonfim-ao-lado-do-Shihan-Paulo-Afonso-Lopes-e-dos-medalhistas-Emily-e-Rian-Samuraikan

Nos últimos dias 26 e 27 de abril, judocas do Norte da Bahia, incluindo Juazeiro e municípios vizinhos como Sobradinho, Curaçá, dentre outros, participaram da Super Etapa de Judô na cidade de Cruz das Almas-BA. Esta jornada trouxe resultados expressivos para a região e contou patrocínios da Prefeitura Municipal de Juazeiro através de Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte (SECULTE), da Viação Falcão Real, da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), da JR Telecom e da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (SUDESB).

Marlon Miranda, medalha de ouro

“Juazeiro é uma cidade com grande vocação esportiva. Aqui surgiram e continuam surgindo talentos em vários segmentos do esporte e, no judô, não é diferente. Através do belíssimo trabalho desenvolvido pelo mestre Paulo Afonso e outros professores, os nossos judocas estão cada vez mais se destacando nos cenários baiano e nacional. É por isso que a nossa gestão tem orgulho de apoiar todos os esportes através do programa Bolsa Atleta, no qual temos 5 judocas de alto rendimento contemplados”, declarou o prefeito de Juazeiro, Paulo Bomfim.

Para o representante da Federação Baiana de Judô (FEBAJU) na Região Norte do Estado, Shihan Paulo Afonso Lopes, “o apoio da Prefeitura e dos patrocinadores foi fundamental para o sucesso dos nossos judocas nessa etapa de Cruz das Almas; isto faz com que a gente tenha esperança em conquistar mais apoiadores, que ainda é necessário. Existem atletas, por exemplo, que estão sempre medalhando nas etapas do circuito baiano mas não possuem patrocínio, não são beneficiados por programas assistenciais e não apresentam condições de arcar com custos de viagens, alimentação, hospedagem e até mesmo de quimonos para lutar”. Lopes ainda ressaltou que “nesta semana, logo depois do feriado, estaremos recebendo aqui na cidade o Presidente da FEBAJU, Sensei Marcelo Ornellas, para uma reunião com professores de judô, patrocinadores e lideranças políticas da região na busca de efetivar a Etapa Estadual de Judô em Juazeiro, que ocorrerá provavelmente entre Julho ou Agosto de 2019”.

TAlitta Vitorino

As atividades da FEBAJU na Região Norte do Estado da Bahia são realizadas em academias e projetos sociais filiados, dentre eles: Judô Samuraikan – JSK (Dir. Rafael Alves Lopes), Clube Kodokan (Dir. David Rodrigues), J.J. Judô Juazeiro (Dir. Aritano Alan Moura), Academia Shidokan (Dir. Shirllene Duarte), Félix Dojô (Dir. Júnior Félix) Equipe Miranda (Dir Marlon Miranda e Júnior), Tori Dojô (Dir. Talitta Vitorino), Metanóia-Curaçá (Mon. Ailton), Dojô Edilton Mendes, Judokan-Sobradinho (Dir. Laudivan Freire), Dojô EMPIRE (Dir. Jean Soares); projetos sociais CIPM-Itaberaba, Rondesp Norte, Marinha do Brasil, Colégios Guiomar Barreto Meira, Hildete Lomanto, Rui Barbosa e CPM.

Judocas do quadro destas academias conquistaram medalhas na etapa de Cruz das Almas, dentre eles: Adonias Heuler (ouro), Emilly Araujo (ouro e bronze, lutou em duas categorias), Ryan Baio (ouro), Rafael Vieira (bronze), Anderson Gabriel (bronze), Givaldo Júnior (bronze) pelo Judô Samuraikan; Talitta Vitorino (ouro) pelo Tori Dojô; Marlon Miranda (ouro) pela Equipe Miranda; Alana Maíra (ouro e prata, lutou em duas categorias) pelo Judô Juazeiro.

“Eu sempre digo que as medalhas são um prêmio à parte nessas competições; o atleta já é um vitorioso só de pisar no tatame para competir”, finalizou o Shihan Paulo Afonso Lopes, pioneiro no Judô em Juazeiro, fundador do o Judô Samuraikan em 1971, que permanece em atividade até hoje.