A comunicação do Vale ficou mais pobre

A notícia devastadora chegou nesta segunda-feira 6 pegando a todos de surpresa: “A TV São Francisco demite 16 profissionais e cancela os telejornais BATV e Jornal da Manhã”.

Além de desempregar competentes profissionais em nome de um mercado e conjuntura selvagens, a TV São Francisco, que aqui se instalou em 1º de dezembro de 1990 como TV Norte, trazendo informação e vida, hoje provoca comoção na comunidade do Vale do São Francisco. A ironia é que, notícia não pode ser divulgada em seus telejornais porque, simplesmente, eles, a partir de agora, não existem mais, é o que diz o anúncio.

Em nossa modesta posição, sem poder para reformar a decisão, só nos resta a solidariedade a todos e todas que foram alcançados pelas medidas proclamadas em nome de um suposto realinhamento administrativo para se adequar à nova realidade.

Nessa tragédia, perdem todos: os jornalistas demitidos, suas famílias, e a comunidade, agora órfã da ferramenta que ajudou a alavancar o desenvolvimento da região.

Carlos Humberto

Editor do Agência CH

Jornalista DRT-5413/BA