Fonte “O Livro das datas do futebol” de Rodolfo M. Rodrigues

1954 – Nas quartas-de-final da Copa do Mundo da Suíça, o Brasil perde para a Hungria por 4 x 2, numa verdadeira batalha campal. Nilton Santos e Bosnik trocaram socos e foram expulsos, assim como o centroavante brasileiro Humberto Tozzi.

1971 – Na decisão do Campeonato Paulista, no Morumbi, o São Paulo vence o Palmeiras por 1 x 0 e sagra-se bicampeão estadual. A partida, no entanto, teve um erro grotesco do árbitro Armando Marques, que anulou um gol legítimo do palmeirense Leivinha, alegando toque de mão. O empate daria o título ao Palmeiras.

1977 – Nasce o atacante Raúl, em Madri, Espanha. Revelado pelo Real Madrid em 1994, Raúl González disputou as Copas do Mundo de 1998 e 2002.

1984 – A França é campeã da Eurocopa depois de vencer a Espanha por 2 x 0, em Paris. Platini e Bellone fazem os gols dos franceses.

1999 – Juventude segura o empate de 0 x 0 com o Botafogo, no Maracanã, e conquista a Copa do Brasil. No primeiro jogo da final, a equipe de Caxias do Sul (RS) venceu por 2 x 1.

Cruzeiro, tricampeão da Copa do Brasil 2000 (foto-arquivo-EM-D.APress)

2000 – Com um gol de Geovanni, no último minuto da partida, o Cruzeiro derrota o São Paulo por 2 x 1, no Mineirão, e fica com o título da Copa do Brasil, o terceiro da sua história. Marcelinho Paraíba fez o gol do São Paulo e Fábio Júnior, o primeiro do Cruzeiro.