Falôôô... A opinião de Jota-Jota

JUAZEIRENSE

O Cancão de Fogo foi eliminado da Copa do Brasil pelo juiz do jogo. O time treinado por Aroldo Moreira, saiu perde do Vasco por 1 a 0, e após o intervalo, retornou jogando um melhor futebol, e envolveu o time carioca, fez o gol de empate no início do segundo tempo, e virou o marcador, jogando um bom futebol, enquanto os vascaínos, brigavam contra o gramado, até parecendo que não jogaram em Moça Bonita, piso muito inferior ao do Adauto Morais, mas lá pertinho do apito final, eis que surge o APITO AMIGO do Sr. Rafael Traci, que marcou um pênalti inexistente, proporcionando ao Vasco, o placar que lhe ajudaria a passar para a fase seguinte, infração comentada, e contestada por jogadores, e dirigentes da Juazeirense, e também pelo central de arbitragem do canal fechado que fazia o jogo.

Meteram a mão no resultado do Cancão de Fogo, e se não bastasse isso, tiraram dos seus cofres, um milhão de reais. Time pequeno não tem vez. O Adauto Morais estava superlotado, e pasmem os senhores, o ingresso custou a Bagatela de 100 reais, ou seja, a carência de times grandes na região, pode colocar preço que o torcedor paga.

VITÓRIA

Time jogou pelo certame baiano, e apresentou uma melhora em sua performance, com uma boa atuação diante do Jequié, onde venceu pelo elástico placar, 4 a 0, podendo ter sido ainda mais elástico, não fora uma jornada de encher os olhos, mas deu para se notar, que a partir do segundo tempo do clássico, o time treinado por Marcelo Chamusca, apresenta evolução, nada que garanta ainda, uma jornada excelente em todas as competições, ainda falta muita coisa a ser colocada em seus devidos lugares, estamos falando dentro de campo, com este triunfo, o time retoma a ponta da tabela, com o mesmos 10 pontos do Bahia de Feira, perdendo a primeira posição no critério de gols marcados, 9 contra 8, os dois líderes se enfrentarão no domingo na Arena Cajueiro em Feira de Santana.

BAHIA

Voltou a atuar com seu tome sub 23, e em Alagoinhas diante do Atlético, não foi além de um empate, um jogo em que os esforços foram evidenciados, mas sem emoções, e ou jogadas que levaram o torcedor ao delírio, com o resultado, o tricolor entra no G-4, que leva o clube para as semifinais da competição. Atuar com o sub 23, teve um motivo, é que o time principal, joga hoje à noite na Arena Fonte Nova, abrindo a temporada da Copa Sul-Americana, quando recebe o Liverpool, e que deve ter casa cheia. Seguindo o planejado, a equipe técnica, e a direção do clube, optaram pela utilização das duas equipes, em face ao calendário atropelado do futebol brasileiro, e Sul-Americano.

Assim foi a quarta-feira no futebol dos baianos.

#PRONTOFALEI.