Decisão acontece em dois jogos nos dias 15 e 22 de dezembro
Por Carlos Humberto - texto e fotos

Os finalistas da 16ª edição do Campeonato Interbairro foram conhecidos no último sábado 8, após a realização dos jogos da semifinal que apontaram Alto da Aliança e Novo Encontro como os vencedores. Nos próximos dias 15 e 22, os dois bairros se enfrentam numa decisão de título, pela primeira vez na história da competição.

Campeão em 2015, o Alto da Aliança busca o bicampeonato, enquanto o Novo Encontro luta pelo primeiro troféu.

Os campos de terra batida que sediaram os dois jogos resistiram às chuvas e não foram obstáculos para os jogadores desfilar seus talentos e habilidades diante do animado público presente e incansável no incentivo à sua equipe preferida.

Após a conclusão de mais uma fase de disputa do campeonato, o superintendente Gilberto Pacheco comemorava: “Estou muito feliz pela maneira ordeira como as torcidas se comportaram, pela condução dos jogos pelos árbitros e também pelo respeito demonstrado pelos jogadores na busca da vitória. Estão de parabéns os finalistas e que vença o melhor” – concluiu.

Resumo dos jogos

Jardim Primavera x Novo Encontro

Diante de sua torcida, o Jardim Primavera fracassou e adiou o sonho de conquistar o primeiro título de campeão ao ser vencido pelo Novo Encontro nos pênaltis por 6 a 5, após empate em 0 a 0 no tempo normal. Mais agudo nos 90 minutos, o visitante Novo Encontro não encontrou o caminho do gol, mas teve a tranquilidade necessária para superar o anfitrião no duelo das penalidades. Na série de cobranças alternadas, o jogador Ubirajane marcou para o Novo Encontro e o zagueiro Hiago dos Santos desperdiçou a chance do Jardim Primavera.

Alto da Aliança x Alto do Cruzeiro

Jogando no seu campo e com o apoio de sua torcida, o Alto da Aliança precisou de apenas 45 minutos para eliminar o maior vencedor do Interbairro por 3 a 0, confirmando a grande fase que vive na atual temporada.

A bola não balançou as redes no primeiro tempo, mas aos 14 minutos do segundo, o meia Cleiton recebeu passe sob medida de Faguinho e venceu o goleiro João Edson abrindo o placar. Sem se refazer do golpe, o Alto do Cruzeiro atordoado assistiu sua meta ser vasada novamente seis minutos depois pelo meia Josimar. Aos 30 minutos o Alto do Cruzeiro teve a chance de diminuir a diferença, mas o jogador Roseilton desperdiçou de forma displicente uma penalidade defendida pelo goleiro Francisco. Sem diminuir o ritmo, o Aliança aumentou para 3 a 0 aos 36 minutos, através do atacante Marteson, dando números finais ao clássico.