Triunfo interrompeu sequência negativa de sete jogos do técnico Marcelo Cabo no comando do Dragão

Da Redação
Lance de Atlético 2×1 Bahia – Foto Bruno Queiroz/ECB

Pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, o Bahia visitou o Atlético-GO, no Estádio Antonio Aciolly e perdeu por 2 a 1, nos acréscimos. Marlon Freitas e Janderson foram autores dos gols do time goiano, enquanto Rodallega descontou para o time baiano.

A vitória impulsionou o Dragão para o 13º lugar, somando 44 pontos, e deixando encaminhada a permanência na Série A, enquanto o Bahia se manteve na 16ª colocação, com 40, e precisa de mais pontos para fugir do rebaixamento.

Resenha

Procurando não dar espaço para evitar jogadas de contragolpe, Atlético e Bahia fizeram um jogo truncado, sem muitas alternativas ofensivas. Na primeira etapa, principalmente, as equipes pouco ousaram e não deram trabalho aos dois goleiros.

No segundo tempo, o jogo ficou mais aberto e as jogadas fluíram com mais precisão. Mesmo assim, a escassez de criatividade continuou sendo a tônica do confronto e os gols aconteceram em falhas pontuais.

O Dragão saiu na frente. Aos 12 minutos do segundo tempo, o zagueiro Gustavo Henrique saiu jogando errado e Lucas Mugni cometeu pênalti em Janderson, que Marlon Freitas cobrou e marcou. O Tricolor empatou aos 25, quando Rodallega aproveitou chute torto de Rossi e deixou tudo igual. Aos 47, após contra-ataque fulminante, Janderson fuzilou o goleiro Danilo Fernandes e definiu o resultado da partida em 2 a 1.

Segue a tabela

Em jogo atrasado da 32ª rodada do Brasileirão, o Bahia recebe o Atlético Mineiro na Arena Fonte Nova na próxima quinta-feira (2), às 18 horas. Na sexta-feira (3), às 20 horas, pela 36ª rodada, o Atlético visita a Chapecoense na Arena Condá.

FICHA TÉCNICA

Atlético-GO 2×1 Bahia

Brasileiro – Série A – 35ª rodada

Data: 29 de novembro de 2021 (segunda-feira)
Horário: 19 horas

Local: Estádio Antonio Aciolly (Goiás)

Arbitragem: Ramon Abatti Abel, Kleber Lucio Gil e Alex dos Santos (todos de SC)

Gols: Marlon Freitas (ATL), aos 13min; Rodallega (BAH), aos 25min; e Janderson (ATL), aos 47min do 2º tempo

Atlético: Fernando Miguel; Dudu, Éder, Pedro Henrique e Arthur Henrique; Willian Maranhão (Lucão), Marlon Freitas, André Luiz (Ronald) (Montenegro) e João Paulo (Rickson); Janderson e Zé Roberto (Baralhas). Técnico: Marcelo Cabo

Bahia: Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Conti, Gustavo Henrique e Matheus Bahia; Patrick, Lucas Mugni (Rossi), Raí Nascimento (Ronaldo), Rodriguinho (Daniel) e Juninho Capixaba; Gilberto (Rodallega). Técnico: Guto Ferreira

Cartão vermelho: Juninho Capixaba (BAH), aos 50 minutos do segundo tempo