BAIANÃO: CANCÃO VIRA O JOGO E ENTRA NO G 4

0
99
Por Tony Martins

O time da Juazeirense conseguiu seu primeiro triunfo no Campeonato Baiano de 2024, com uma virada de 2 x 1 diante do Jacuipense, em partida realizada na noite deste domingo (21/01/2023), no estádio Adauto Moraes, ocupando agora a quarta posição na tabela de classificação.

PRIMEIRO TEMPO

Juazeirense e Jacuipense fizeram um primeiro tempo movimentado no que se refere o toque de bola, mas, com poucas jogadas contundentes. Faltou ao Cancão de Fogo um homem com presença de área, pois, o centroavante Luis Soares voltava sempre para receber a bola no meio-campo, enquanto Jeam, as vezes que participava de algum lance, levava perigo para o gol juazeirense.

Aos 46 minutos, Jeam recebeu na entrada da área e deu um passe para Pablo que limpou a jogada e chutou colocado no canto esquerdo para fazer um a zero.

MUDANÇA PARA VIRAR

O Cancão de Fogo entrou para o segundo tempo com Alexsandro no lugar de Leandrinho e não demorou muito para a mudança surtir efeito. Aos dois minutos Alexandro invadiu a área e foi derrubado. O árbitro Wagner Francisco da Silva assinalou a penalidade máxima convertida por Luis Soares. Depois, o atacante William invadiu a área, porém, o goleiro João Guilherme evitou o segundo gol do Leão do Sisal. Aos 27 minutos aconteceu um cruzamento de longe, do lado direito, Alexsandro foi esperto e antecipou ao goleiro Marcelo para virar o placar: Juazeirense 2 X 1.

491 pessoas estiveram presentes no Adauto Moraes com uma renda de R$ 8.960,00 reais.

Na próxima quinta-feira (25/01/2023), a Juazeirense voltará a jogar no Adauto Moraes, contra o Jequié.

FICHA TÉCNICA

JUAZEIRENSE 2 X 1 JACUIPENSE

LOCAL- Estádio Adauto Moraes- Juazeiro-Ba

GOLS: Pablo 45′ (Jac) e Luis Soares (penalti 2″) Jua e Alexsandro 27″ (Jua)

ÁRBITRO CENTRAL – Wagner Francisco Silva

ASSISTENTES – Ledes José Coutinho e Jedson de Souza.

RENDA: R$ 8.960,00

PÚPLICO PAGANTE: 448

PÚBLICO TOTAL – 491 pessoas

JUAZEIRENSE: João Guilherme, Edson, Mauricio, Zé Romário e Talys (Yan); Patrick. Mauro, Elivelton (Waguinho) e Leandrinho (Alexsandro); Luis Soares (Janeudo) e Yan Augusto. TÉCNICO: Carlos Rabelo.

JACUIPENSE: Marcelo, Jam (expulso), Vitor Salvador. Everson (Léo Simas) e Carlos; Fábio Bahia, Lidio (Pedro) e Jerry ( Eudair); Jeam e William. TÉCNICO: Jonilson Veloso.