Falôôô… A opinião de Jota Jota

O campeonato brasileiro de 2019 começou a todo vapor, com 10 jogos que mexeram com a adrenalina do torcedor do Brasil, em um ritmo totalmente acelerado, dando uma prévia do que poderá acontecer, durante toda a sua realização, até dezembro.

Dos clubes que atuaram em casa, Grêmio e Fluminense perderam, o Santos bateu o Grêmio e o Goiás o Fluminense, foram então os únicos vencedores fora de seus domínios.

Tivemos uma média de 3,3 gols por partida, num total de 33 gols, mostrando que os ataques trabalharam e muito nesta primeira rodada, que tem o Ceará, como líder, tendo 4 gols de saldo, dividindo a tábua de classificação, com o Palmeiras, sendo o primeiro pelos critérios.

Foram 10 triunfos, e só Goiás e Fluminense, fizeram apenas um gol, e o VAR trabalhou muito, e não faltaram polêmicas, com anulação de gols, e pênaltis marcados, ou seja, a criação da tecnologia, não vai terminar com as discussões, e até mesmo as dúvidas, que acontecerão por todo o certame.

A tábua de classificação está dividida ao meio, com cinco triunfos e cinco derrotas, com dois destaques, o Ceará batendo o CSA, e a Chapecoense o Internacional.

Quanto aos árbitros, o VAR, chamou para si todas as responsabilidades, o que safa a chamada onça dos apitadores.

Para início de competição o brasileiro da série A, agradou e muito aos críticos, com jogos que realmente encheram os olhos, pela entrega dos clubes, sempre em busca do triunfo, no meio de semana, a saga continua.

Um começo muito bom também para o Bahia, que bateu o Corinthians, atual campeão paulista, por 3 a 2 na Arena Fonte Nova, fazendo o seu primeiro dever de casa.

#PRONTOFALEI.