Falôôô... A opinião de Jota Jota

Depois das partidas do meio de semana que abriram a segunda rodada do campeonato baiano, quando Bahia e Unirb empataram em um gol, e o Doce Mel fora goleado em casa pelo Atlético por 3 a 1, neste final de semana três partidas complementam a rodada, dando números reais à tábua de classificação.

Na tarde deste sábado 22 no estádio Lomanto Junior, o Conquista recebe o Bahia de Feira tentando se recuperar da goleada sofrida em Alagoinhas na estreia da competição, por outro lado o Bahia de Feira vai em busca do seu primeiro triunfo pois deixou escapar os três pontos diante do Bahia.

Já no domingo dois encontros esperados pelos torcedores: na Arena Cajueiro, em Feira de Santana, o Barcelona, caçula do certame, e que assim como o adversário Vitoria empatou o primeiro jogo, tentará mostrar para o que veio, e como dizem em Ilhéus, a Onça Pintada veio para beber água, mas o Leão da Barra também tem sede, uma vez que tropeçou em casa diante da Juazeirense, um jogo para ser acompanhado de perto.

Em Juazeiro a Juazeirense recebe o Jacuipense, depois de ter empatado com o Vitoria fora de casa tendo estado à frente do placar, mas permitindo que o Vitoria chegasse ao empate em um jogo bem movimentado. Por outro lado, com um gol jamais visto no futebol mundial, o Jacuipense bateu fora de casa o Doce Mel por 1 a 0, que gol foi aquele, senhores, o sobrenatural do Almeida estava em campo?

Com todos os jogos começando às 16 horas, o torcedor vai poder assim como nós da imprensa avaliar um pouco mais, todas as equipes do interior no complemento da rodada, assim como a dupla da capital, Bahia e Vitoria. Mas não podemos deixar de dizer que os clubes do interior, começaram bem a competição com exceção de Conquista que levou uma goleada do atual campeão, que mostrou sua superioridade vencendo também o Doce Mel, e este que perdeu as duas primeiras.

No mais as apresentações do Bahia de Feira, Juazeirense, Unirb, Jacuipense e Barcelona, deixaram esperanças de que teremos um campeonato cheio de surpresas e bons jogos. Já o Atlético de Alagoinhas chegou mostrando as garras de um verdadeiro Carcará.

Com nova mentalidade e modelo de administração com olhos para futuro, o futebol do interior da Bahia em 2022 promete, só espero que não queimem os meus dedos nos teclados do meu computador.

E seguem os jogos sob os atentos olhos dos desportistas baianos, e porque não do Brasil.

#PRONTOFALEI@JOTAJOTA.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here