Da Redação - Foto: CBV/Divulgação

A Superliga masculina deve seguir os passos da feminina e ser encerrada sem o término da temporada. A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) convocou uma reunião para segunda-feira (20) e quer o fim da edição 2019/2020.

Há um mês, a CBV fez reuniões com os clubes das Superligas A e B, masculina e feminina. Três torneios decidiram dar a competição por encerrada, com exceção da primeira divisão masculina, que foi paralisada a uma rodada do fim da fase de classificação.

Taubaté e Sada/Cruzeiro ainda disputavam a primeira colocação e o time paulista, líder, ainda teria um jogo duro pela frente, contra o Sesi. As equipes aguardavam uma melhora no cenário da saúde pública, o que não aconteceu.

Sem previsão de volta à normalidade, a CBV quer traçar o caminho para a nova temporada e tudo precisa passar pelo fima da atual.