Superesportes PE

Com a pandemia do novo coronavírus, a Copa do Nordeste foi suspensa, por tempo indeterminado, restando ainda uma rodada para o término da primeira fase. O que acaba impactando diretamente também nos cofres da competição. Em entrevista ao Diario de Pernambuco, o presidente da Liga do Nordeste, Eduardo Rocha, admitiu que, por conta da parada, alguns patrocinadores do torneio suspenderam os pagamentos.

Por crise, sindicato libera recurso aos atletas do interior, mas valor máximo é de R$ 360
No entanto, segundo o dirigente, isso por enquanto não interferiu de forma mais significativa no repasse das cotas dos clubes referente à primeira fase, com o Sport tendo direito a um valor total de R$ 2,2 milhões, enquanto Santa Cruz e Náutico, por estarem em posições inferiores no ranking da CBF, têm direito a R$ 1,7 milhão, cada.

(Foto: CBF/Divulgação)

“Nós já recebemos praticamente o referente ao que nós entregamos, que foi 87,5% da competição referente à primeira fase. Ficou faltando apenas uma rodada, que não foi por culpa nossa. Com isso tivemos pequenas dificuldades, mas estamos contornando. Aos clubes o que prometemos entregar nos entregamos. Um repasse proporcional a primeira fase”, destacou Eduardo Rocha.

Porém, se o repasse referente à primeira fase já foi praticamente quitado, a indefinição quanto ao retorno da Copa do Nordeste também atinge diretamente as cotas as serem pagas a partir dos mata-matas. Os times que se classificarem às quartas de final terão uma premiação de R$ 300 mil, valor que sobe para R$ 375 mil na semifinal. Já a previsão para o campeão é de R$ 1 milhão, com o vice recebendo R$ 500 mil.

“Alguns patrocinadores suspenderam os pagamentos, outros não. Mas com o dinheiro que recebemos honramos o compromisso que temos com os clubes referente à primeira fase. O restante, vamos aguardar. Não tivemos nenhum cancelamento de nenhum contrato. Acredito que todos os patrocinadores vão continuar quando a competição retornar”, disse.

Porém, com relação a um possível retorno da Copa do Nordeste, o presidente da Liga afirmou que, por enquanto, não há qualquer indício de quando isso será possível. “Estamos aguardando que a CBF se posicione. Mas por enquanto ela não sabe quando essa situação (pandemia) vai terminar, eu não sei e ninguém sabe”, resumiu.

As cotas da Copa do Nordeste 2020
Grupo 1 – R$ 2,2 milhões 
Ceará, Bahia, Sport e Vitória:

Grupo 2 –  R$ 1,7 milhão
Fortaleza, Náutico, CRB e Santa Cruz

Grupo 3 – R$ 1,5 milhão
ABC, América-RN, Botafogo e CSA

Grupo 4 – R$ 775 mil
River-PI, Frei Paulistano-SE, Confiança-SE e Imperatriz-MA

Quartas de final – R$ 300 mil
 
Semifinais: R$ 375 mil
 
Vice-campeão: R$ 500 mil
 
Campeão: R$ 1 milhão