Globoesporte.com

Os organizadores do GP do Canadá decidiram adiar a corrida por causa do atual surto de coronavírus. A prova, que seria realizada entre os dias 12 e 14 de junho, é a nona impactada desde o início da pandemia e ainda não tem uma nova data.

Em um comunicado emitido, os promotores do GP afirmarem “se sentirem honrados em realizar a primeira corrida de 2020” e que estavam “tristes” em ter de adiar a etapa.

“Esse adiamento não foi uma decisão tomada de maneira fácil. Ao longo do último mês, estivemos em constante contato com a F1 e os representantes da Cidade de Montreal e os governos da província e do país. Ouvidos as diretivas emitidas pelos oficias de saúde e estamos seguindo as práticas recomendadas pelas autoridades em meio à pandemia de Covid-19. Nossos pensamentos e gratidão estão com os homens e mulheres trabalhando de forma incansável para nos manter saudáveis e alimentados durante esses tempos de incerteza“, afirmou o CEO do GP do Canadá, Francois Dumontier.