Ascom / PMP

Devidos às medidas preventivas contra o novo coronavírus, o atendimento presencial em serviços de alimentação foi interrompido em muitas localidades no Brasil. Por essa razão, o delivery tem sido uma alternativa importante para os empresários que estão investindo, cada vez mais, no atendimento online.

Em Petrolina, diversos estabelecimentos já aderiram ao novo mundo, porém, alguns cuidados especiais devem ser tomados com a segurança do alimento em três quesitos:  pelo estabelecimento, entregador e cliente.

Estabelecimento

Durante a manipulação de alimentos, a máscara deve ser uma aliada, o uso de luva e, principalmente a higienização das mãos são essenciais. Além disso, são necessárias embalagens adequadas e limpas; informações sobre o consumo do alimento e lacres de segurança.

Entregador

Trabalhadores com sintomas gripais devem se afastar por completo dessa atividade. Os profissionais devem realizar a higienização das mãos antes de retirar os pedidos no restaurante, antes e após a entrega a cada cliente. Evitar contato físico ou prolongação de conversas. É importante manter outros materiais, equipamentos e máquinas de cartão sempre desinfetados com álcool 70%.

Cliente

Faça o recebimento o mais rápido possível. Priorize pagar online para evitar contato. Tome muito cuidado para não contaminar o alimento quando for retirá-lo da embalagem e lave as mãos e os utensílios que serão utilizados.