Cumprindo tabela, Vitória vence Ceará no Barradão

0
128
Foto: Pietro Carpi/ECV

Da Redação – Jota Jota

Jogando no Barradão pela sétima rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste, o Vitória fez o dever de casa, bateu o Ceará por dois tentos a zero quebrando uma sequência de sete partidas sem conseguir os três pontos. Os pouco mais de 1.800 torcedores que estiveram no Santuário, viram uma partida sem muitas emoções, o Rubro Negro tentando acertar diante de um adversário que colocou em campo um time alternativo.

Trellez fez o primeiro gol cobrando pênalti, a bola bateu no braço de Igor e a infração foi marcada, sendo este o único chute a gol no primeiro tempo. Na etapa complementar o jogo foi melhor até os 20 minutos, depois retornou a um ostracismo letárgico. Diego Torres fez o segundo gol do Vitória com uma colaboração do goleiro Aguillar, mas foi um verdadeiro pombo sem asas defensável. 

O Vitória só volta a campo no dia 20 jogando contra o Campinense. Os dois clubes já estão eliminados da fase seguinte da Copa do Nordeste.

FICHA TÉCNICA

Vitória 2 x 0 Ceará

Copa do Nordeste – 7ª rodada

Local: Barradão, em Salvador;

Data: 08/03/2023 (quarta-feira)

Renda: R$ 30.750,00       

Público: 1.899

Árbitro: José Ricardo Vasconcellos Laranjeiras (AL);

Assistentes: Brígida Cirilo Ferreira (Fifa-AL) e Wellington Thiago de Almeida Fontes Nascimento (AL).

Quarto árbitro: Moisés Ferreira Simão (BA).

Gols: Trellez e Diego Torres  

Vitória: Lucas Arcanjo; Zeca, Dankler, João Victor e João Lucas (Pedro Bicalho); Marco Antônio, Gegê e Thiago Lopes (Ruan Nascimento); Wellington Nem (Wanderson), Tréllez (Léo Gamalho) e Osvaldo (Diego Torres). Técnico: Léo Condé.

Ceará: Aguilar; Igor, (Caio Rafael) Caíque Gonçalves, Gabriel Lacerda, Luiz Otávio e W. Formiga; Willian Maranhão (Geovani), Jean Carlos (Léo Rafael) e Chay (Pedro Lucas); Hygor Cléber e Luvanor (Álvaro). Técnico: Gustavo Morínigo.