Em dois anos, Petrolina tem quase 10 novos quilômetros de vias duplicadas 

Ascom / PMP

As avenidas estreitas e com uma única mão, já não eram suficientes para comportar uma cidade do tamanho de Petrolina. Percebendo essa necessidade, a prefeitura investiu em recapeamento e duplicação de avenidas da cidade para aliviar o trânsito que estava, cada vez mais, complicado. Os moradores das zonas norte e oeste agoram podem trafegar com maior tranquilidade na “Estrada da Banana” e na Avenida Clementino Coelho a qualquer hora do dia.

Quem trafega por essas duas avenidas pode, também, andar a pé ou de bicicleta com maior segurança. Além do alargamento, as duas vias ainda receberam ciclovia e ciclofaixa em todos os percursos que as acompanham. No total, a prefeitura investiu cerca de R$ 13 milhões na melhoria da mobilidade dessas avenidas. As obras foram tocadas pela Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (Seinfra).

Com investimento do Governo Federal, outra importante avenida que foi completamente reformada foi a Sete de Setembro. A rodovia de quatro quilômetros teve as vias centrais e periféricas ampliadas e melhoradas. Em menos de dois anos, Petrolina ganhou quase 10 quilômetros de novas vias largas, melhorando o trânsito do município.

Duplicações futuras:

Há, pelo menos, três novas vias que estão com processo administrativo adiantado para serem duplicadas em Petrolina: a Avenida Mário Rodrigues está em fase final de projeto, além da duplicação, a via também terá faixa para ciclista. Em parceria com a Codevasf, a Avenida Cardoso de Sá também será alargada no trecho do Monumento do Centenário até a Orla.

Outra promissora obra que está prevista para sair do papel, é a duplicação de parte da Rodovia Senador Nilo Coelho, BR 428. O projeto está sendo finalizado pelo DNIT para ser licitado.

Fotos:  Prefeitura de Petrolina – Texto: Giomara Damasceno