Falôôô... A opinião de Jota Jota
Jota Jota

Com uma volúpia como sempre enganadora, o Vitoria partiu para cima do Operário e abriu o marcador aos dois minutos, dando ao seu torcedor a esperança de um triunfo. Mas, quatro minutos depois, o time treinado por Rodrigo Chagas, em nova falha de sua defensiva, leva o gol de empate. Daí por diante, vimos dois times ruins, e pior o time rubro negro, cujo elenco parece não ter vontade nenhuma de sair com um triunfo.

O restante da partida fora disputada no meio de campo, com inúmeros passes errados por parte das duas agremiações, com poucas oportunidades de gol, e quando surgiram, vieram de bolas paradas, assim como os dois gols no primeiro tempo.

Atacante Leo Ceará em ação contra o Operário no Barradão em 03.01.2021 (Foto: ECV/Pietro Carpi)

Ao Vitoria, só interessaria os três pontos, para fugir passo a passo da zona de rebaixamento, pois contara com a derrota do Figueirense para o Oeste, que ajudou muito, mantendo o time rubro negro fora do grupo de risco. Por mais que o torcedor do Vitoria tenha fé, o time não ajuda, e olhem que ele depende só dele mesmo, para permanecer na série B, embora a sequência de jogos seja por demais complicada.

Ao torcedor rubro negro, só mesmo a fé poderá remover esta montanha que chamamos de rebaixamento, porque o time em campo não ajuda. Mesmo assim, vou ficar na esperança, de que o dito popular, possa vingar por mais uma vez, aquele que diz, de onde menos se espera, é que sai.

Ainda bem que o futebol é totalmente desprovido de lógica, e nem sempre vence o melhor, e é por aí, que a esperança ainda não morreu, vai ter que aturar este elenco até a 38ª rodada.

#PRONTOFALEI.

(O texto é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Agência CH)