Texto: Maria Akemi – Foto: ATP Tour

Foram longos 13 meses de espera, mas finalmente Roger Federer está de volta às quadras. A reestreia do suíço no tênis aconteceu nesta quarta-feira (10), contra o britânico Dan Evans, no torneio de Doha.

A última competição de Federer foi em 2020, antes da pandemia do novo coronavírus. Ele caiu na semifinal do Aberto da Austrália, passou por duas cirurgias e não jogou mais no ano passado.

Ainda sem ritmo, Federer suou a camisa em mais de 2h, vence em 2 sets a 1 e celebrou. “Muito bom estar de volta. Estou feliz por estar aqui, mesmo se perdesse, mas claro que vencendo é ainda melhor. Joguei muito bem. Estou muito feliz com meu desempenho. Tem sido uma longa e difícil trajetória para mim. Não é algo simples voltar a jogar na minha idade, mas valeu a pena, porque joguei muito bem hoje”, afirmou.