Flamengo desencanta e bate o Fluminense no Maracanã

0
272
Flamengo 2x0 Flu Copa do Brasil 01-06-2023 Foto Mailson Santana-FFC
Da Redação - Foto: Mailson Santana/FFC/Divulgação

Após série de tropeços diante do rival, o Flamengo venceu o Fluminense na noite desta quinta-feira (1º) por 2 a 0, no Maracanã, encerrou sequência negativa e assegurou vaga na fase de quartas de final da Copa do Brasil.

Os gols foram marcados por Arrascaeta, aos 33 minutos do primeiro tempo, e Gabigol, aos 46 do segundo. Foi a quarta derrota consecutiva do Tricolor que agora está fora da competição. Do outro lado, o Flamengo completou seis anos se classificando para as quartas de final.

Embora não apresentassem o bom futebol da partida de ida, as duas equipes não decepcionaram o público de mais de 69 mil torcedores que fizeram uma grande festa no Maracanã.

Se o Fluminense foi mais propositivo, o Fla não teve a questionada contundência cobrada pelo treinador Sampaoli a seus jogadores, e transformou em gols duas das muitas oportunidades criadas ao longo da partida. Ao Flu, resta reclamar da pouca inspiração dos seus jogadores ao concluir para a meta rubro-negra.

O adversário do time da Gávea será conhecido após sorteio realizado pela CBF.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 2 x 0 FLUMINENSE

COPA DO BRASIL – OITAVAS DE FINAL (VOLTA)
Data e hora: 01 de junho de 2023, às 20h (de Brasília)
Estádio: 
Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: 
Raphael Claus (SP/FIFA)
Assistentes: 
Neuza Inês Back (SP/FIFA) e Alex Ang Ribeiro (SP/FIFA)
VAR: 
Rafael Traci (SC)

Público/Renda: 69.978 presentes e R$ 4.103.330,00 de renda
Cartões amarelos: Guga, Lima e Manoel (FLU); David Luiz e Gabigol (FLA)
Gols: Arrascaeta, 33’/1ºT (1-0) e Gabigol, 46’/2ºT (2-0)
FLAMENGO: Matheus Cunha, Fabrício Bruno, Léo Pereira (Everton Ribeiro, 13’/2ºT) e David Luiz; Wesley, Erick Pulgar, Thiago Maia, Gerson (Victor Hugo, 38’/2ºT), Arrascaeta (Everton Cebolinha, 30’/2ºT) e Ayrton Lucas; Gabigol. Técnico: Jorge Sampaoli
FLUMINENSE: Fábio, Samuel Xavier (Alan, 41’/2ºT), Nino, Manoel (Arthur, 24’/2ºT) e Guga (Gabriel Pirani – intervalo); André, Martinelli, Lima (John Kennedy, 32’/2ºT) e Paulo Henrique Ganso (Isac, 41’/2ºT); Jhon Árias e Cano. Técnico: Fernando Diniz