Flamengo e Boavista decidem a Taça Guanabara neste sábado 22

Foto: Alexandre Vidal (CRF)

O Flamengo enfrenta o Boavista neste sábado de Carnaval, às 18h (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela decisão da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. O Rubro-Negro eliminou o Fluminense nas semifinais com um triunfo por 3 a 2, enquanto o representante da Região dos Lagos avançou graças a um empate por 1 a 1 com o Volta Redonda.

Ganhar a Taça Guanabara representa chegar à final do Campeonato Estadual independentemente do que acontecer na Taça Rio, segundo turno. Talvez este seja o grande benefício para o Flamengo, envolvido em várias competições. Um exemplo disso é que na quarta-feira já tem o segundo jogo da final da Recopa Sul-Americana contra o Independiente del Valle no Maracanã. Na ida, no meio de semana, empate por 2 a 2 no Equador.

“Garantir a vaga na decisão é muito importante e vamos em busca disso. Além do mais, um título é sempre importante na carreira de um jogador e com a Taça Guanabara não é importante”, disse o goleiro Diego Alves.

O técnico português Jorge Jesus não confirmou a escalação e o Flamengo terá desfalques para esta final. Os zagueiros Léo Pereira, com lesão na região posterior da coxa esquerda, e Rodrigo Caio, com dores nas coxa esquerda, e o atacante Bruno Henrique, com uma lesão no ligamento colateral lateral do joelho direito, foram descartados. Assim, Gustavo Henrique e Thuler formarão a dupla de zaga, enquanto Gabigol, que cumpriu suspensão na partida no Equador, retorna na vaga de Bruno Henrique.

Pelo lado do Boavista, o técnico Paulo Bonamigo cobrou personalidade de seus jogadores.

“Nós sabemos que vamos enfrentar um adversário muito forte, com craques capazes de definir o duelo em uma jogada. Mas temos que mostrar personalidade e o bom futebol que nos levou a esta decisão”, disse Bonamigo.

FICHA TÉCNICA

BOAVISTA X FLAMENGO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 22 de fevereiro de 2020 (Sábado)

Horário: 18h (de Brasília)

Árbitro:  Marcelo de Lima Henrique (RJ)

Assistentes: Rodrigo Figueiredo (RJ) e Thiago Henrique Neto Farinha (RJ)

FLAMENGO: Diego Alves, Rafinha, Gustavo Henrique, Thuler e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Diego, Everton Ribeiro e De Arrascaeta; Gabigol. Técnico: Jorge Jesus

BOAVISTA: Klever, Wellington Silva, Douglas Pedroso, Elivelton e Jean; Fernando Bob, Erick Flores, Jefferson Renan e Michel; Tartá e Caio Dantas. Técnico: Paulo Bonamigo