Da Redação - Carlos Humberto - Foto: Alexandre Vidal/CRF/Divulgação

Em 45 minutos de futebol de alto nível, o Flamengo bateu o Internacional na noite deste sábado (20), no Beira Rio, por 2 a 1, chegou aos 66 pontos e se tornou o único rival do Atlético na briga pelo título brasileiro da temporada. Os gols aconteceram no primeiro tempo: Gabigol fez 1 a 0, aos 3 minutos, Andreas ampliou para 2 a 0, aos 11, para o Rubro-Negro e, aos 41, Taison fez o gol de honra do Colorado.

Resenha

Foi um dos melhores jogos do Brasileiro deste ano, onde as equipes fizeram um jogo aberto, buscando sempre o gol. Os primeiros dez minutos do Flamengo foram avassaladores, sem dar tempo dos jogadores do Inter respirar. E embora a bola tenha chegado às redes gaúcha apenas duas vezes, o time carioca desperdiçou chances incríveis que poderiam ter definido uma goleada histórica na casa do adversário. Ao todo, foram 24 finalizações a gol no primeiro tempo, um recorde na competição.

No segundo tempo, o Inter acertou a marcação e diminuiu a liberdade que o Fla tinha no início, deixando o jogo mais igual. Os contra-ataques, sempre perigosos e bem construídos, passaram a ser a arma das equipes, obrigando os goleiros a intervenções arrojados para defender suas metas. O Flamengo ainda teve um gol anulado pelo VAR, marcado por Kenedy.

Classificação

Com a vitória, o Flamengo chega aos 66 pontos, em segundo lugar, oito a menos que o líder Atlético Mineiro, disparado com 74 pontos. Já o Inter estacionou no 7º posto, com 47 pontos.

Segue a tabela

Na próxima rodada do Brasileiro (35ª), o Internacional visita o Fluminense no Maracanã, na quarta-feira (24), às 21h30. No dia anterior, terça-feira (23), o Flamengo enfrenta o Grêmio na Arena, às 21 horas, em jogo atrasado. No dia 27, sábado, enfrenta o Palmeiras na decisão da Copa Libertadores, no Uruguai.

FICHA TÉNICA

Internacional 1×2 Flamengo

Brasileiro – Série A – 34ª rodada

Data: 20 de novembro de 2021

Horário: 21h30

Local: Estádio Beira Rio (Porto Alegre-RS)

Gols: Gabigol (FLA), aos 3min, Andreas (FLA), aos 11min e Taison (INT), aos 41min do 1º tempo.

Internacional: Marcelo Lomba; Saravia (Heitor), Bruno Méndez, Cuesta e Moisés; Rodrigo Lindoso, Rodrigo Dourado (Maurício), Patrick (Gustavo Maia) e Edenilson; Taison e Palácios (Matheus Cadorini). Técnico: Diego Aguirre

Flamengo: Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Rodrigo Caio, David Luiz e Filipe Luís (Ramon); Willian Arão, Andreas e Everton Ribeiro (Arrascaeta); Vitinho (Kenedy), Gabi e Michael (Rodinei). Técnico: Renato Gaúcho