Ascom PMP

Discutir ações para a criação de políticas públicas voltadas para a Educação de Jovens e Adultos, além de socializar experiências e práticas de professores e estudantes que atuam nesta modalidade de ensino, foi o objetivo da quarta edição do Fórum Municipal de EJA, realizado entre os dias 19 e 20 de agosto em Petrolina. O evento que reuniu o secretário de Educação, Plínio Amorim, professores, estudantes, coordenadores pedagógicos, gestores, instituições da sociedade civil, Universidades e Conselhos Municipais, destacou as responsabilidades, compromissos, desafios e propostas para a construção coletiva do currículo de EJA.

Com o tema “O Currículo de EJA e suas interfaces com educação popular para a classe trabalhadora”, a iniciativa foi promovida pela Prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, e o Fórum Regional de Educação de Jovens e Adultos do Sertão do Médio São Francisco (FREJASF). Durante a programação, os participantes puderam assistir uma palestra online com a professora da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Marlene Souza, sobre o tema proposto pelo Fórum. Já no evento presencial, realizado na Escola do Saber, foram formados grupos de trabalho a partir dos quatro eixos temáticos, para definir as propostas que nortearão a Educação de Jovens e Adultos para o quadriênio de 2022 a 2025.

“Através desse Fórum possibilitamos um momento de reflexão com todos os segmentos que trabalham com esta modalidade, para repensar em um novo currículo de EJA que atenda esses alunos e suas necessidades. Queremos ouvir os anseios, expectativas e tudo que faça parte da vida desse público. Nosso objetivo é dar oportunidade para essas pessoas que em algum momento da vida, tiveram que mudar o seu planejamento relativo à educação e que agora, por meio desse olhar diferenciado do prefeito Miguel Coelho, podem garantir a conclusão dos seus estudos, pois entendemos que é por meio da educação que mudamos a vida das pessoas”, disse a secretária Executiva de Ensino, Isva Modesto.