Da Redação - Foto: Haas/Divulgação

Pietro Fittipaldi estreou na Fórmula 1 no último fim de semana, no GP de Sakhir, substituindo Romain Grosjean. Mas o futuro do brasileiro na modalidade é incerto. Isso porque a equipe já definiu seus pilotos para 2021 e não incluiu Pietro.

Mick Schumacher e Nikita Mazepin serão os pilotos da Haas. Guenther Steiner, chefe da equipe comentou sobre os próximos passos do brasileiro, que pode procurar outra modalidade.

“Eu não sei para onde vai o Pietro, o que vai fazer depois. Acredito que ele está trabalhando em algo, mas ainda não definiu. São apenas 20 vagas no grid e parece que existem muitos pilotos talentosos. Já anunciamos nossos pilotos, então não sei se ele segue conosco no próximo ano ou vai andar em outra categoria”, afirmou o dirigente.