Globo acata decisão judicial e irá transmitir semifinal da Taça Rio

Torcedores.com

A Globo anunciou que irá transmitir a partida entre Fluminense x Botafogo, neste domingo, às 16h (horário de Brasília), válida pela semifinal da Taça Rio. A emissora acatou a decisão judicial conquistada pela Ferj, Federação de Futebol do Rio de Janeiro. A empresa havia rescindido o contrato com o Campeonato Carioca.

A rescisão da Globo aconteceu na quinta-feira após o Flamengo transmitir a partida contra o Boavista, pela Fla TV e a emissora entender o fato como quebra de contrato, mesmo com o Rubro-Negro não tendo vínculo assinado e se apoiando na MP 984. A Ferj, então, entrou na Justiça buscando que a reta final do Carioca fosse exibida. A Globo anunciou que irá recorrer, porém garantiu a transmissão da semifinal.

Confira a nota oficial da Globo:

“A Globo rescindiu essa semana o contrato para a transmissão do Campeonato Carioca pela violação dos seus direitos de exclusividade mas recebeu ontem à noite uma ordem judicial que a obriga a transmitir os jogos sobre os quais tinha direito quando o contrato estava em vigor. A Globo vai recorrer da decisão, mas, em respeito à Justiça e aos Clubes, dos quais é parceira histórica, vai transmitir a partida de amanhã entre o Fluminense e o Botafogo pela semifinal da Taça Rio, na TV Globo, no SporTV e no Premiere. A Globo esclarece que os clubes são livres para transmitir seus jogos ou autorizar que terceiros os transmitam, uma vez que o contrato foi rescindido. Para transmitir o jogo que acontece amanhã, às 16h, no Estádio Nílton Santos, a Globo está acionando um protocolo de urgência que garanta a logística para uma transmissão com o padrão de qualidade de sempre e que resguarde a segurança e a saúde das equipes de transmissão. A Globo é parceira e incentivadora do futebol brasileiro há muitas décadas, entende a sua importância para clubes, jogadores, marcas e torcedores e reitera a sua crença de que o futebol só será capaz de vencer as inúmeras dificuldades com planejamento e segurança jurídica para aqueles que investem altas quantias nesse negócio tão importante para o Brasil e para os brasileiros.”