Da Redação - por Carlos Humberto
Fortaleza x Bahia Copa do Nordeste 240042021 Foto Lucas Figueiredo-CBF

Escalado de última hora em lugar do titular Douglas, diagnosticado com Convid19, o goleiro Matheus Teixeira brilhou nas cobranças de pênaltis, defendendo duas cobranças, e colocou o Bahia na final da Copa do Nordeste 2021.

No tempo normal, empate em 0 a 0. Nas cobranças de pênaltis, o Bahia venceu por 4 a 2, apenas o lateral Jorginho Capixaba não aproveitou a cobrança. Herói da classificação, o goleiro Matheus Teixeira defendeu as cobranças de Bruno Melo e Robson.

Bahia e Ceará irão repetir a decisão de 2020, quando o Vovô bateu o Esquadrão e ficou com o título. A decisão será em dois jogos e, devido a melhor campanha, o Ceará faz o último jogo em seus domínios. As datas deverão ser confirmadas para os dois próximos domingos.

Jogo movimentado

Embora as equipes procurassem o gol incessantemente, o placar não foi movimentado ao longo dos 90 minutos mais os acréscimos. Do lado baiano, as melhores chances de gol não foram aproveitadas, principalmente pelo atacante Rossi que, apesar da grande atuação, estava com a pontaria descalibrada. Pelo lado dos anfitriões, a oportunidade mais clara esteve nos pés do atacante Wellington Paulista que, da mesma forma, não aproveitou.

FICHA TÉCNICA

Fortaleza 0(2×4)0 Bahia

Copa do Nordeste – semifinal 2

Data: 24 de abril de 2021, sábado

Horário: 20h30

Local: Arena Castelão

Arbitragem: Dênis da Silva Serafim, Esdras Mariano de Lima Albuquerque e Brigida Cirilo Ferreira (todos de Alagoas)

Fortaleza: Felipe Alves; Tinga, Quintero, Benevenuto e Carlinhos (Bruno Melo); Éderson, Jussa e Gustavo Blanco (Matheus Vargas); Robson, Wellington Paulista (Romarinho) e David (Lucas Crispim). Técnico: Enderson Moreira

Bahia: Matheus Teixeira; Nino Paraíba, Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick (Jonas), Thaciano (Lucas Araujo) e Daniel (Galdezani); Rossi (Óscar Ruiz), Gilberto e Rodriguinho. Técnico: Dado Cavalcanti.