Nikita Mazepin foi bancado por dinheiro investido na equipe

Da Redação - Foto: AFP

A equipe Haas confirmou nessa quarta-feira (23) que manterá o russo Nikita Mazepin como um dos pilotos na temporada 2020-2021. Ele foi flagrado há algumas semanas assediando uma mulher.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Mazepin é visto apalpando os seios de uma modelo. Mesmo com a pressão de patrocinadores, para que a Haas demitisse o piloto, a equipe manteve o russo depois de resolver o assunto “internamente”.

A ESPN dos Estados Unidos afirma que Mazepin é um piloto “dinheiro”. Ou seja, só foi chamado para a Haas por conta das vantagens financeiras que seu pai, Dimitry pode oferecer.