Aos 50 anos, Janeth Arcain entrou oficialmente para o Hall da Fama do basquete nesta sexta-feira, dia 30 de agosto de 2019. Campeã mundial e duas vezes medalhista olímpica com a seleção brasileira, a paulista recebeu a homenagem em Pequim, na China, durante a cerimônia de abertura da Copa do Mundo masculina de basquete.

Janeth se junta a outros cinco brasileiros que já integravam o seleto grupo: Hortência, Magic Paula, Amaury Pasos, Oscar Schmidt e Ubiratan. Ela recebeu a indicação para integrar a Classe de 2019 do Hall da Fama da Federação Internacional de Basquete no fim de março.

Marcada pela discrição, a carreira de 24 anos de Janeth foi repleta de façanhas: ouro no Pan de Havana 1991, ouro no Mundial da ustrália 1994, prata na Olimpíada de Atlanta 1996 e bronze na Olimpíada de Sydney 2000. Janeth é a terceira maior cestinha da seleção, com 2.247 pontos.

Crédito: Globoesporte.com