DA REDAÇÃO

Jogadores do Independiente Aeroporto Salvador – foto Independiente

A delegação do clube argentino Independiente foi barrada no Aeroporto Internacional de Salvador na noite desta segunda-feira e impedida de desembarcar na capital baiana, onde tem partida marcada pela Copa Sul-Americana contra o Bahia nesta terça-feira.

Dez membros da delegação, entre eles oito jogadores, foram testados positivo para Covid-19 e impedidos de desembarcar pela Anvisa. O clube portenho ameaça retornar ao seu país caso os jogadores não sejam liberados.

Em comunicado divulgado na madrugada desta terça-feira, a CONMEBOL comunicou o adiamento da partida Bahia x Independiente para amanhã, quarta-feira, em horário ainda indefinido. O confronto decide a liderança do grupo B.

O incidente pode interferir na programação da última rodada do Campeonato Baiano, marcada para o mesmo dia com a participação de todos os clubes. O Bahia, que discorda da programação, já conseguiu através da 7ª Vara do TRT, em ação movida pelo Sindicato dos Atletas Profissionais da Bahia (Sindap-BA), a suspensão de seu jogo contra o Jacuipense, mas até agora a FBF não se manifestou.