Por Tony Martins

A Sociedade Desportiva Juazeirense estreou com vitória no Campeonato Baiano, em partida realizada neste domingo (21/02) no estádio da fonte Nova. Mesmo saindo perdendo o Cancão de fogo de tranquilidade  para superar seu adversário.

Bahia e Juazeirense fizeram um primeiro tempo equilibrado com muita movimentação no meio campo, sem, contudo, criar grandes chances de gol, onde as defesas se sobressaíram frente aso ataques. Por isso os dois gols que ocorreram nessa etapa foram em chutes de fora da área.

Aos 32 minutos Bruno Camilo recebeu a bola na intermediária e chutou forte no canto direito de Rodrigo Calaça, fazendo um a zero para o Bahia. Aos 40 minutos o volante Sapé recebeu uma bola próximo à área adversária e chutou forte no canto direito do goleiro Leandro para empatar a partida

Logo aos 45 segundos da segunda etapa Clebson chutou forte e o goleiro Leandro bateu roupa, na sobra Kesley livre fez dois a um para o Cancão de fogo. Aos 11 minutos Clebson bateu forte para uma boa defesa do goleiro Leandro, evitando o terceiro gol juazeirense. Aos 25 minutos Dedé praticou pênalti em Marcelo Ryan. Caio Melo cobrou e Rodrigo Calaça defendeu.

O goleiro Rodrigo Calaça muito seguro na meta, o meio campista Clebson que comandou as ações da equipe foram os destaques da Juazeirense na partida. No aspecto coletivo o time esteve organizado e durante todo o jogo foi melhor que o seu adversário, mostrando que o trabalho do treinador Givanildo Sales está sendo satisfatório. O próximo jogo da Juazeirense será na próxima quarta-feira (24/02), às 16 horas no estádio Adauto Moraes.

BAHIA

Leandro, Renan Guedes, Gustavo Henrique, Everson, Mike; Caio Melo, Bruno Camilo (Jeremias) e Raniele; Gustavo (Marcelo Ryan), Ronaldo (Dodô) e Daniel Penha (Cristian). Claudio Prates.

JUAZEIRENSE

Rodrigo Calaça, Carlinhos, Dedé, Wendel e Daniel, Vaguinho, Clebson, Sapé (Patrick) e Elcarlos (Maickon), Kesley (Nino) e Danilo Bala (Jô).

ÁRBITRO CENTRAL-Emerson Ricardo de Andrade

ASSISTENTES- José Carlos Oliveira dos Santos e Carlos Bregalda Gussem