Juazeirense e Bahia abrem o Campeonato Baiano nesta quarta no Adauto Moraes

Partida começa às 21h30 e marca a estreia do zagueiro Kanu com a camisa do Cancão
Por Carlos Humberto
Meia-atacante Elcarlos em ação em amistoso contra o Altos-PI

Agora é pra valer. Nesta quarta-feira 22, o Estádio Adauto Moraes abre os portões para receber o clássico Juazeirense x Bahia, primeira partida do Campeonato Baiano 2020 em terras do baiano Daniel Alves.

A partida começa às 21h30, e marca também a estreia do zagueiro Kanu com a camisa do Cancão de Fogo. Os ingressos estão sendo vendidos ao preço promocional de R$ 20 nas bilheterias do estádio.

O torcedor local vive a expectativa de ver em campo a nova equipe da Juazeirense, totalmente modificada em relação à temporada do ano passado. Do elenco anterior, restaram apenas sete dos 25 jogadores que compõem o grupo atual.

Os goleiros Roger e Milton; os zagueiros Kanu, Walter e Júnior Gaúcho; os volantes Jhonata, Felipe e João Vitor; os meias Elcarlos, Douglas Valle e Iago Emanuel; e os atacantes Gugu e Jô, se juntam aos laterais Alex e Rodriguinho; o volante Vaguinho; os meias Clébson e Eduardo; e os atacantes Nino, Jeam e Matheus Café, alguns remanescentes e outros promovidos ao time profissional pelo técnico Vladimir de Jesus.

Vinte e dois jogadores foram relacionados para o jogo contra o Bahia: Roger, Milton, Alex, Wendell, Rodriguinho, Walter, Júnior Gaúcho, Kanu, Jhonata, João Vitor, Vaguinho, Felipe, Iago, Douglas Valle, Eduardo, Elcarlos, Gugu, Nino, Jeam, Matheus Café, Jô e Clebson.

O Bahia já se encontra na cidade e promete surpreender com sua equipe alternativa. O técnico Dado Cavalcanti, que comanda a categoria Sub-23, não fornece a lista de relacionados. Mesmo assim, a imprensa da capital baiana aposta numa equipe formada por Fernando; Willean Lepo; Ignácio, Anderson e Mayk; Edson, Ramon e Caio Mello; Gustavo, Saldanha e Gabriel Esteves.

O Departamento de Arbitragem da FBF escalou o árbitro Bruno Pereira Vasconcelos, dos quadros da CBF, para apitar a partida. Paulo de Tarso Bregalda Gussen e Edevan de Oliveira Pereira, também da CBF, serão os assistentes. Moisés Ferreira Simão será o quarto árbitro.