Da Redação

O Juazeiro Social Clube empatou com o Fluminense de Feira pelo placar de 1 X 1, jogando na tarde deste domingo (19/06/2022), em jogo realizado no Estádio Alberto Oliveira e se manteve na vice-liderança do Campeonato Baiano da Segunda Divisão.

UM PRESENTE LOGO NO INÍCIO

Logo a um minuto de partida, Cleyton deu um presente para o Fluminense, atrasando a bola de cabeça para o adversário. Quase do meio campo, ele cabeceou para sua própria defesa que estava desguarnecida, disso se aproveitou Chorinho que invadiu a área para fazer um a zero a favor do Fluminense de Feira.

Mas, ficou nisso, pois, o Fluminense atuava mal e pouco criou em todo primeiro tempo, enquanto o Juazeiro só melhorou depois dos 30 minutos, porém, os goleiros pouco trabalharam.

No segundo tempo o Juazeiro voltou bem melhor, com as entradas de André e Cesinha nos lugares de Pilar e Valdivia, respectivamente, deixando a equipe com mais posse de bola e mais ofensiva. O time buscou o gol com mais insistência, até que aos 22 minutos Elicarlos converteu em gol uma penalidade máxima assinalada pelo árbitro Joedson de Jesus Oliveira. O time do Juazeiro Social Clube poderia até ter virado o jogo, caso o árbitro assinalasse uma penalidade máxima do goleiro Giovani em cima de Rodrigo Ramos.

Para o Juazeiro o resultado não foi ruim, visto que o time continua invicto e na vice-liderança da competição com 15 pontos, com 4 vitórias e 3 empates. Já o Fluminense de Feira se afastou mais ainda do G4, uma vez que ocupa a décima colocação com 6 pontos. O Jacobinense lidera a competição com 18 pontos, Jequié é o terceiro com 13 pontos, enquanto o Galícia com 11 pontos na quarta posição fecha o G4.

No próximo domingo (26/06) o Juazeiro enfrentará o Jacobinense no Adauto Moraes.

Fluminense 1 X 1Juazeiro

GOLS: Chorinho 1′ (Flu) e Elicarlos 22″ (Jua)

ÁRBITRO CENTRAL: Joedson de Jesus Oliveira.

ASSISTENTES: Elicarlos Franco de Oliveira e Carlos Eduardo Bregalda

FLUMINENSE: Giovani, Franklin (Rony), Vital, Menezes (expulso) e João Vitor; Mineiro, Welton Heleno e Max (Caio); Pinheirinho (Ruan), Chorinho e Kaynan (Rafael Granja). TÉCNICO: Laelson Lopes.

JUAZEIRO: Cassiano, Rodrigo Ramos (Joanderson), Jadson, Marconi e Arez (Piauí); Cleyton, Elicarlos, Valdivia (Cesinha) e Andrezinho (Candinho); Pilar (André) e Gere (Tourinho). TÉCNICO: Nazareno Silva

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here