Livro interativo de Rafael Sisant une dança e desenho para crianças

0
230

Livro interativo de Rafael Sisant une dança e desenho para crianças

Divulgação

Obra tem linguagem acessível para meninos e meninas a partir de 10 anos

Um livro que incentiva a criatividade na infância. “Para fazer dançar as linhas”, do artista visual e bailarino Rafael Sisant, mistura dança e desenho no processo criativo. A obra é voltada para meninos e meninas a partir de 10 anos de idade e está sendo distribuída gratuitamente para instituições de ensino, grupos artísticos, bibliotecas, salas de leitura e organizações sociais de Pernambuco.

O livro tem inspiração nos alunos de Sisant, que atua como professor de artes, e é sua segunda produção que une as linguagens – o primeiro foi lançado em 2020 para o público adulto. “Quando eu comecei a dar aulas em 2021, curiosamente, todas as minhas turmas de artes eram para público infantil. Então, eu precisei conectar minha criança interior com elas. Meio que naturalmente, senti a necessidade de adaptar minha pesquisa para a linguagem infantil”, explica o autor.

As páginas apresentam textos que contextualizam a história de ambas as formas de expressão, além de conter ilustrações e atividades de desenho que visam aprimorar a habilidade do traço. Há também atividades que envolvem o movimento corporal e uma folha que pode ser recortada para se transformar em um dado.

A locutora Rafaela Oliveira esteve no evento de lançamento, realizado em Garanhuns-PE, em março deste ano, e achou muito interessante a proposta. “Tem uma dinâmica que fica legal tanto para os adultos, quanto para as crianças. É uma linguagem muito atrativa. Eu adorei e acredito que vai impactar de uma maneira muito positiva as crianças, porque a arte transforma vidas”, afirma.

O autor pretende continuar com essa pesquisa, reformulando-a para outras faixas etárias. “Acho que as crianças precisam começar a perceber, independente da faixa etária, essa possibilidade de interlocução entre essas duas linguagens. As crianças são a base da sociedade e precisam começar a ter noção de cultura e arte logo cedo”, aponta.

A publicação integrou o colóquio de artes visuais ‘Pontes Híbridas’, que busca fomentar o mercado artístico em Pernambuco. Quem fizer parte do público-alvo e tiver interesse em receber um exemplar, pode entrar em contato pelo e-mail confraria27@gmail.com ou no Instagram do autor, @rafaelsisant. O projeto conta com incentivo do Governo de Pernambuco através do Edital Funcultura 2020/2021.

Dia do Livro Infantil – 18 de abril