Por Jota Jota

O Brasil passou em branco no quadro de medalhas no primeiro dia de disputa dos Jogos de Tóquio 2020, mas obteve bons resultados em esportes como futebol, vôlei, natação e ginástica artística.

Mas nem tudo foi motivo para comemoração. Candidata a uma medalha na esgrima, a atleta Nathalie Moelhausen foi eliminada na prorrogação e atual campeão mundial da barra fixa, Arthur Nory ficou fora da final do aparelho, acabando na 12ª posição.

A China lidera com quatro medalhas (três de ouro e uma de bronze). Curiosamente, os americanos, após 49 anos, terminam o primeiro dia sem subir ao pódio.

NATAÇÃO

O nadador brasileiro Felipe Lima, conseguiu sua classificação para as semifinais dos 100 metros nado livre, batendo seu próprio recorde. O brasileiro espera estar entre os oito finalistas da competição.

GINÁSTICA

Arthur Zanetti e Caio Diogo, ginastas brasileiros, conseguiram se classificar para as finais da ginastica em 4 aparelhos, dando mais esperanças de medalhas para o Brasil nesta modalidade.

VÔLEI DE QUADRA

Depois de superar a Covid-19, que lhe afastou da seleção brasileira por um bom espaço de tempo, o treinador Renan Dal Zotto, comemorou muito o triunfo de seus comandados por 3 sets a 0 contra a Tunísia. Com mais de 26 quilos perdidos, Renan correu, pulou, vibrou com seus comandados, mostrando estar totalmente recuperado, e em busca de uma nova medalha dourada. Os brasileiros voltam à quadra na segunda-feira 26, às 9h45 horário de Brasília, para enfrentar los hermanos, a Argentina.

Renan completou 61 anos na última segunda feira, e quando estava internado, sua esposa lhe fazia ouvir a música que mais gosta, depois da vitória, Renan ouviu algo especial vindo das caixas de som da Arena Akiake: o DJ tocou a música Sweet Caroline, da Neil Diamond, o treinador chorou, muita emoção para um só dia.

FUTEBOL FEMININO

Brasil e Holanda fizeram um confronto de alto nível e empataram em 3 a 3 em jogo válido pela segunda rodada do grupo F. As duas seleções lideram o grupo com quatro pontos.