Texto: Maria Akemi - Foto: Tim Clayton/Getty Images

O que já era especulação nos bastidores do último Aberto do ano se confirmou na tarde dessa terça-feira (16). O Aberto dos Estados Unidos será realizado no calendário 2020, porém, mas sem o público presente.

A informação foi confirmada pelo governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo em seu Twitter. O torneio seguirá com muitas restrições e medidas redobradas de higiene. A organização do US Open dará mais detalhes sobre a competição, agendada para iniciar em 31 de agosto, de acordo com o jornal The New York Times.

A Federação de Tênis do país (USTA na sigla original) emitiu um comunicado celebrando a realização do evento. “Nós podemos dar aos fãs de todo mundo a chance de ver os atletas competindo pelo título”, destaca a nota da USTA.

Além do US Open, outra competição confirmada no calendário 2020 é o Master de Cincinnati que nesse ano acontecerá em Nova Iorque assim como o Aberto dos EUA. A mudança é para evitar grandes deslocamentos do atletas e consequentemente maior chance de contaminação pela covid-19.