3.3 C
Nova Iorque
sexta-feira, dezembro 3, 2021

Prefeitura de Juazeiro homologa Programa Garantia-Safra 2021/2022 com número expressivo de inscritos

Ascom PMJ

A Prefeitura de Juazeiro, por meio da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (ADEAP), juntamente com o Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável (CMDS), realizou a homologação do Programa Garantia-Safra 2021/2022, mais um processo obrigatório para a execução do programa.

Além da homologação, a reunião teve o objetivo de tratar do passo a passo do Garantia e a importância de ações voltadas ao Programa para o fortalecimento das comunidades rurais e para o município de Juazeiro.

Marcaram presença o presidente do CMDS, Carlos José Neiva Almeida, Denivaldo Alves Medrado da Silva (ADEAP), e demais conselheiros e convidados, Silmara Custódio Ramos (convidada ADEAP), Douglas Souza Lisboa (Câmara de vereadores), José Edilson Santana Teles (SINTRAF), Jorge Murilo de Carvalho (BNB), André Luiz Lopes Pereira (IRPAA), Adilson de Sousa Moreira (CETEP), Ruíza Maria Ferreira de Deus (UAMEALCJ), Valter Alves de Santana Filho (ADESBA/CESOL), Ismael Carlos Barbosa de Jesus (STRJ), Gizele Maria de Oliveira Santos (Central da Caatinga), Josival Santos Barbosa (SPRJ), Luandson dos Santos Alves (BAHIATER), e como convidados permanentes, André Lima Knifis (CODEVASF) e Lícia Mara Marinho da Silva (EMBRAPA).

Para o secretário Carlos Neiva, a participação foi positiva, algo nunca visto em termos de inscritos em Juazeiro e o governo sabe da importância do Programa para os agricultores e também para a economia local. “A gestão Suzana Ramos tem se preocupado com todos e não seria diferente com os pequenos agricultores. A administração está aqui para fortalecer a vida do homem do campo. Seguimos trabalhando e vamos avançar muito mais”, destaca.

Número expressivo de inscritos 

Quando comparada às safras anteriores, a gestão obteve um aumento expressivo no número de adesões, chegando a mais de 3000 mil inscritos. O benefício, no valor de R$850,00, é concedido aos agricultores que possuam renda mensal de até 1,5 (um salário mínimo e meio), com área para plantação de 0,6 a 5,0 hectares, e que tenham registrado perdas de produção – por enchente ou estiagem, em culturas como o feijão, arroz, milho, mandioca, algodão, iguais ou superiores a 50%.

A entrega dos boletos teve início neste sábado (13), durante a ação itinerante da pasta no distrito do Junco, Salitre. Os beneficiários que não tiverem recebido os seus boletos para pagamento, devem se dirigir até a secretaria de Agricultura, localizada na Rua Oscar Ribeiro, 110, Centro.

VEJA TAMBÉM

2,140FansLike
1,152FollowersFollow
12FollowersFollow
- Advertisement -spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Iniciar Conversa
Posso ajudar?
Olá podemos te ajudar