Protesto & futebol

Depois de ser eliminado pelo Moto Clube da Copa do Brasil no meio de semana, o time do Vitória retorna a campo na tarde deste sábado 16, jogando no Barradão, quando receberá o Ceará, jogo válido pela Lampions League, a nossa Copa do Nordeste, desacreditado por todo seguimento de sua torcida, devido a catastrófica administração de Ricardo David, e o fraco elenco montado, cujo futuro é incerto e não sabido.

Por este motivo, as duas principais torcidas uniformizadas do Leão marcaram para o início da tarde, antes mesmo da abertura dos portões, manifestações distintas de protestos, nos quais, clamarão pelo pedido de renúncia do presidente, sendo uma na entrada do portão 16, e a outra na entrada da concentração Vidigal Guimarães. Posteriormente, os componentes das torcidas acompanharão o jogo diante do Vovô, esperando que o time se recupere do vexame, que dera em São Luiz do Maranhão.

As 17 horas, a bola rola, e o técnico Marcelo Chamusca, disse ter conversado muito com seus atletas, mostrando e corrigindo os erros cometidos, mas foi duro na coletiva, quando perguntado sobre a eliminação, “Já faz parte do passado, nada mais se pode fazer, é corrigir e olhar para frente, e na frente tem o Ceará, e em outra competição”, com isto afirmou que a fila anda, e que vitória e ou derrota, logo farão parte do passado, é preciso olhar para o futuro, e a pergunta é pertinente… QUE FUTURO CHAMUSCA?

Mesmo assim, aqueles pouco mais de 3 mil torcedores, fieis ao seu Vitoria, vão sim comparecerem ao Barradão, e com a esperança de um triunfo, para que a dor da eliminação, de um certame milionário como a Copa do Brasil, possa ser amenizada. Sem querer inventar, com o tal dos alternativos, mistos, e ou sub 23, o time de Chamusca deverá ser mesmo o que ele considera como titular, precisando vencer sua primeira partida, para chegar ao G-4 do Grupo A, o Vitoria tem 3 pontos em 3 jogos, enquanto Salgueiro e Santa Cruz possuem 5, com a mesma quantidade de jogos, o Salgueiro é o líder, pelos critérios de desempate, já o Ceará, é líder absoluto do grupo B, tem 7 pontos em cinco jogos, e pretende manter a permanência no G-4, já que logo em seguida, vem quatro clubes, com cinco pontos, e em caso de derrota, poderá ser ultrapassado.

No caso do Vitoria, só um triunfo interessa, assim poderá chegar ao G-4, que o possibilita a passagem para a fase seguinte, ser eliminado em mais uma competição, não sei não a reação dos torcedores do rubro negro.

#PRONTOFALEI.