Publicitária Aléssia Saluára recebe em São Paulo a ‘Cruz do Mérito da Comunicação’

0
180

Por Carlos Laerte

Publicitária com mais de 600 marcas posicionadas no mundo, Aléssia Saluára, recebeu, na noite desta quinta-feira (23), a ‘Cruz do Mérito da Comunicação’. Concedida pela Câmara Brasileira de Cultura e Academia de Ciências e Artes, a honraria foi entregue durante jantar solene do Encontro Nacional de Notáveis Acadêmicos, no auditório 5 da Plataforma Internacional Pablo Marçal, em Alphaville, São Paulo.

Durante o evento, Aléssia, que é formada em Publicidade e Propaganda, pós-graduada em Gestão Empresarial pela FGV e já atuou com grandes nomes do mercado como Roberto Justus, Kaká Diniz, Bráulio Bessa, Paulo Vieira e Daiane dos Santos, recebeu o conjunto de joias da comenda (medalhas), e um pergaminho em papel pergaminata italiano com impressão digital de alta definição, no estilo gótico ‘Old England’,

De acordo com o comendador, jornalista e presidente da Câmara Brasileira de Cultura, Gualter Carrara Júnior, esta honraria é destinada àqueles que por intermédio da capacidade profissional, contribuem para difusão da informação, de maneira ética e isenta, por meio da geração de conteúdo de relevância. “Aléssia Saluára é um desses exemplos pela atuação marcante nos estados do Ceará, Pernambuco, Bahia, São Paulo, Rio de Janeiro, Estados Unidos e Europa”, ressaltou. Na mesma solenidade, recebeu também a honraria o empresário, político e um dos maiores influenciadores brasileiros, Pablo Marçal.

Após receber a outorga, a nova acadêmica agradeceu a distinção e falou um pouco da experiência em branding, posicionamento e reposicionamento de marcas, criação e direção de campanhas, palestra, capacitação de equipes, gestão de produtos, criação e execução, além da supervisão de grandes eventos nacionais. “Amo branding, extrair a essência de grandes marcas e deixá-las em evidência é meu maior dom. Sempre fui enérgica e multifacetada, apaixonada por conhecimento, me dedico diariamente para dar o melhor em tudo que faço”, concluiu.