Da Redação – Jota Jota
Jota Jota

Salvador (BA) – Há mais de uma semana, Manaus, a capital do Amazonas, vinha tendo 100 mortes por dia, todas causadas pelo Covid-19, sem que as autoridades possam controlar a epidemia que assola o Estado. Mas, nas últimas 24 horas, o recorde de óbitos foi quebrado, 140 pessoas faleceram, superando e muito a média.

Devido ao elevado número de cadáveres, e sem condições de velórios, os sepultamentos estão sendo coletivos, sejam falecidos pelo covid-19, ou não, em valas abertas por uma retroescavadeira, e apenas 3 pessoas da família, pode acompanhar a cerimônia.