Por Jota Jota
Vitória 0x1 Vila Nova-GO Série B 28112021 Foto Pietro Carpi-ECV

Todos sabíamos de que a situação do Vitoria era a pior possível, diante dos resultados que pudessem lhe favorecer para que pudesse permanecer na série B, porque além de vencer o Vila Nova de Goiás, precisaria de outros resultados compatíveis do Remo e do Londrina, o que não aconteceu, porque nem mesmo o seu dever em casa, o time treinado por Wagner Lopes conseguiu fazer.

Um arremedo de time em campo e como sempre sem forças no setor ofensivo, deixando com que a defesa resolvesse a situação impedindo o gol do adversário, função que exerceu bem até ao apagar das luzes, quando tomou o gol de Wilton Monteiro, Vila Nova 1 a 0 e dentro do santuário.

Pelos resultados dos demais jogos, nem mesmo um triunfo do Vitoria, lhe livraria da queda, mas sem sombra de dúvidas seria um prêmio para os pouco mais de 5 mil heróis que estiveram nas arquibancadas do Barradão, acreditando em um milagre.

Torcida esta que diferente de muitas outras pelo Brasil afora, pela queda de seus clubes, invadiram gramado, depredaram os equipamentos, além de proporcionarem punições para seus times do coração. A do Vitoria se portou maravilhosamente sabendo que de nada serviria os protestos brutais com o fato consumado.

Esta segunda-feira para os dirigentes que assumiram o clube, é uma Quarta-Feira de Cinzas tal como para a Escola de Samba que caiu do grupo especial, o samba enredo do ano vindouro precisa começar a ser escrito agora, ao lado do enredo que será apresentado em 2022 nas diversas apresentações da turbulenta série C, onde o filho chora e a mãe nunca vê.

FICHA TÉCNICA

VITORIA 0X1 VILA NOVA

38ª Rodada da série “B” 28.11.2021

Horário: 16h

Local Estádio Manoel Barradas / Salvador-BA

Renda: R$ 60.916,00

Público: 5.956

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Ricardo Junior de Souza (MG)

Gol: Wilton Monteiro (Vila Nova), aos 47min do 2º tempo

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; Raul Prata, Thalisson, Wallace e Roberto; Cedric (Bruno), Eduardo (Manoel), Fernando Neto e Fabinho (Hitalo); David (Eron) e Marcinho(Allysson). Tec: Wagner Lopes

VILA NOVA: Georgemy; André Krobel, Renato, Xandão e Formiga; Kallyl, Bambu (Cardoso), Thiago Real (João Lucas) e Alysson (Welliton Monteiro); Alan Gafite (João Pedro) e Clayton (Rafael Silva). Técnico: Higo Magalhães.